Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Meia argentino desperta concorrência entre clubes brasileiros

São Paulo (SP)

Destaque da campanha do San Lorenzo na Taça Libertadores da América 2014, o meio-campista Ignacio Piatti, de 29 anos, vem despertando atenção do futebol internacional e dificilmente deve terminar a atual temporada no clube portenho, onde acumula 70 partidas disputadas e vinte gols marcados. Isso porque, de acordo com o Olé, diário esportivo da Argentina, diversos clubes brasileiros disputam o passe do jogador, entre eles Santos, Atlético Mineiro, Bahia e Sport.

O contrato com o San Lorenzo expira nesta segunda-feira e o atleta ainda não definiu seu futuro. Aguardado pela comissão técnica, na última terça-feira, para retomar os treinamentos junto com o restante do elenco, o meio-campista não apareceu ao centro de treinamento, aumentando ainda mais as especulações referentes a uma possível transferência.

De acordo com a imprensa argentina, a única imposição de Piatti para fechar contrato com qualquer equipe seria terminar a campanha da Taça Libertadores pelo San Lorenzo. Os Hermanos estão nas semifinais e enfrentam o Bolívar, da Bolívia, nos dias 23 e 30 de julho.

Um fator que aumenta o interesse dos clubes brasileiros na contratação do meio-campista é que sua transferência aconteceria sem custo nenhum, já que está em término de contrato. Além disso, o salário na casa dos R$ 60 mil, valor considerado baixo no futebol brasileiro, não se configuraria como empecilho à negociação.