Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Para Matuidi, França merece ir longe: "jogamos com raça e coração”

Brasília (DF)

A França fez uma partida difícil contra a Nigéria. Os gols demoraram a sair, mas a equipe comandada por Didier Deschamps reagiu no segundo tempo, venceu por 2 a 0 e está nas quartas de final da Copa do Mundo.

O jogador francês Blaise Matuidi analisou a partida “Não foi fácil. A Nigéria é um bom time, mas conseguimos jogar com as fraquezas deles. Tivemos várias oportunidades e o goleiro Enyeama defendeu muitas bolas. Mas a classificação foi merecida. Vamos saborear agora. Sofremos críticas, mas continuamos aqui. Vamos tentar ganhar”, afirmou o jogador.

O volante do Paris Saint-Germain recebeu o único cartão amarelo da partida após uma falta dura em Onazi, que acertou o tornozelo esquerdo e tirou o nigeriano do jogo. A partida no Mané Garrincha foi marcada pelo apoio da torcida brasileira à seleção da Nigéria, o que Matuidi considera normal.

“Isso é futebol. O estádio é magnífico, e tivemos nossos torcedores nos apoiando também. Estamos muito satisfeitos. Temos as quartas de final para jogar e espero que haja muita gente apoiando nosso time porque temos uma equipe muito boa que joga com raça e coração.”

Na próxima sexta-feira, a França abre a rodada das quartas de final contra o vencedor do duelo entre Alemanha e Argélia, que ocorre nesta segunda, às 17h, no Beira Rio. Para Matuidi, a partida não vai ser fácil, seja contra os alemães ou contra os argelinos, mas o jogador sonha alto. “E talvez depois, se nos classificarmos, porque não Brasil?”

AFP
Para o camisa 14, a França merece ir longe na competição