Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Por jogo às 13h, Seleção se cuida com treino leve e protetor solar

Tossiro Neto, enviado especial Teresópolis (RJ)

Ter que jogar às 13 horas (de Brasília), no sábado, forçou a comissão técnica da Seleção Brasileira a fazer algumas modificações na programação da equipe. Além de reforçar as refeições e adaptar o horário dos trabalhos em campo, também a intensidade das atividades tem sido menor às vésperas da partida contra o Chile, em Belo Horizonte.

Na tarde desta quinta-feira, foi notório que os jogadores não se entregaram à marcação como de costume. Segundo o atacante Fred, orientados pela preparação física. "A gente deu uma segurada, não precisou ficar correndo tanto. É lógico que tentamos fazer tudo o que o professor nos pediu, mas, como o jogo será à uma da tarde, no sábado, todos estão aproveitando para dar uma recuperada", disse o jogador do Fluminense, que vai se proteger do sol da capital mineira no fim de semana.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Fred adaptou seus hábitos para o jogo contra o Chile

"Já tenho o hábito de utilizar protetor solar porque jogo no Rio de Janeiro, onde (a temperatura) é 40 graus na sombra. Em Belo Horizonte está bem quente também, minha família disse. Vou usar protetor e me hidratar bem. É fazer isso e correr", brincou o camisa 9.

Na quarta-feira, o chefe do departamento médico da Seleção, José Luiz Runco, disse que também as refeições sofreram mudanças. O lanche e o jantar foram adiados em uma hora, mas reforçados com carboidratos em função da eventualidade de o jogo ir para a prorrogação. "Estamos comendo mais massa, macarrão, purê, frango...", contou Fred.

Depois de todos esses cuidados, a Seleção deixa Teresópolis no fim da tarde desta quinta-feira rumo à capital mineira, onde treinarão pela última vez na véspera da partida.