Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Portugal vence, mas não supera saldo de gols dos EUA e está fora da Copa

Brasília (DF)

Pela última rodada do Grupo G, Portugal e Gana se enfrentaram na tarde desta quinta-feira, às 13 horas (de Brasília), em busca de uma vitória com grande diferença de gols. Além disso, as duas equipes dependiam do resultado do confronto entre Alemanha e Estados Unidos, realizado no mesmo horário. No Estádio Mané Garrincha, em Brasília, os portugueses derrotaram os ganeses por 2 a 1, mas ambas seleções não se classificaram para as oitavas de final da Copa do Mundo do Brasil.

No primeiro tempo, a seleção lusitana iniciou pressionando os adversários. Após bola na trave e chance cara a cara, o gol finalmente saiu aos 30 minutos. Miguel Veloso executou bom cruzamento da esquerda para a pequena área, John Boye tentou fazer o corte, mas acabou mandando para o fundo das redes. Gana ainda tentou reagir antes do intervalo, mas não ofereceu grandes perigos os goleiro Beto.

Na volta dos vestiários, a partida ficou mais equilibrada, com as duas equipes chegando aos ataques adversários com perigo. O gol de empate de Gana, então, saiu aos 11 minutos, após belo cabeceio de Asamoah Gyan. Aos 34, Cristiano Ronaldo colocou Portugal à frente do marcador novamente.

Gazeta Press
Cristiano Ronaldo teve as melhores chances por Portugal (Foto: Célio Messias/STR/Gazeta Press)
Com esse resultado, Portugal e Gana se despedem da Copa do Mundo do Brasil. A seleção lusitana de Cristiano Ronaldo repete o feito de 2002, quando Luis Figo, eleito o melhor do mundo em 2001, também não conseguiu ajudar sua seleção a passar para as oitavas da Copa do Mundo de Coreia e Japão.

Agora, Alemanha e Estados Unidos, primeiro e segundo colocados do Grupo G, respectivamente, enfrentam os líderes do chaveamento H. Os germânicos enfrentarão a Argélia, que empatou em 1 a 1 com a Rússia e os norte-americanos enfrentam a Bélgica, que derrotou a Coreia do Sul por 1 a 0, ambas partidas foram no fim da tarde desta quinta-feira.
O jogo – Em busca do resultado positivo, Portugal iniciou o duelo da última rodada da fase de grupos pressionando os adversários. A primeira chance veio logo aos 5 minutos do primeiro tempo, quando Cristiano Ronaldo tentou um cruzamento e quase marcou um golaço, mas a bola explodiu no travessão do goleiro Dauda.

Os lusitanos não desistiam. Aos 11 da etapa inicial, o craque CR7 cobrou falta próxima à entrada da grande área, mas o goleiro ganês mandou para escanteio. Sete minutos depois, João Pereira fez bela jogada pela direita e tocou para o melhor jogador do mundo, que cabeceou para o gol e Dauda, novamente, executou boa defesa.

Após a pressão, o gol de Portugal finalmente saiu. Aos 30 minutos do primeiro tempo, Miguel Veloso cruzou da esquerda para a área, John Boye tentou o corte, mas acabou mandando para o fundo das redes de coxa. Logo depois, aos 31, os lusitanos quase ampliaram o marcador com Cristiano Ronaldo. O camisa 7 arriscou de pé direito, entre dois marcadores, mas o arqueiro de Gana espalmou.

Antes do fim da etapa inicial, a seleção de Gana tentou chegar com perigo para empatar a partida. Aos 42 minutos, Gyan invadiu a área e, em disputa com Bruno Alves, desabou no chão, mas o árbitro, que estava em cima do lance, mandou o jogo seguir.

AFP
O primeiro gol de Portugal foi marcado por John Boye, contra
O primeiro tempo terminou com 53% de posse de bola para Portugal e foi muito movimentado, com apenas nove faltas no total. A seleção lusitana três finalizações e duas para o gol. Enquanto isso, Gana finalizou uma vez e teve uma oportunidade de mandar a bola em direção à meta adversária.

Na volta dos vestiários, a partida iniciou mais equilibrada, com as duas equipes chegando ao campo de ataque com perigo. Aos cinco minutos da etapa complementar, Gyan chutou de fora da área, mas a bola foi pela linha de fundo, assustando os torcedores portugueses.

O empate de Gana veio aos 11 minutos do segundo tempo. Após cruzamento para a área, Asamoah Gyan pulou mais alto e cabeceou para baixo, deixando tudo igual no Estádio Nacional Mané Garrincha. A partir daí, com a Alemanha vencendo os Estados Unidos, Portugal precisaria fazer mais quatro gols para se classificar para as oitavas de final. Enquanto isso, a seleção de Gana só precisava de um gol para se classificar.

AFP
Asamoah Gyan marcou o gol de empate de Gana, aos 11 minutos do primeiro tempo
O técnico Paulo Bento decidiu colocar mais um atacante em campo. Para isso, o zagueiro João Pereira saiu de campo para a entrada de Varela. Apesar disso, Portugal se abateu com o gol e Gana começou a tomar conta do jogo. Aos 14 do segundo tempo, Gyan fez boa jogada, cruzou para Waris, que cabeceou para fora, levando perigo ao gol de Beto.

Os portugueses começaram a regir depois de uma pequena pressão de Gana. Aos 34 minutos da etapa complementar, Cristiano Ronaldo ficou com a bola após bate-rebate dentro da área, e mandou um chute forte, estufando as redes do goleiro Dauda. Neste momento, Alemanha ainda ganhava dos EUA por 1 a 0 e, portanto, Portugal precisaria de mais três gols.

A partir daí, os lusitanos lutaram até o apito final, mas não conseguiram ampliar o marcador e se despediram da Copa do Mundo, assim como a seleção de Gana. O melhor do mundo ainda teve duas oportunidades claras de gol, mas não conseguiu mais balançar as redes.

AFP
O melhor do mundo, Cristiano Ronaldo, fez o segundo gol de Portugal e teve outras grandes chances de gol