Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Primeiros testes da Fifa não detectam doping em atletas da Copa

Rio de Janeiro (RJ)

A Fifa anunciou nesta terça-feira os resultados dos testes realizados para o controle antidoping nos atletas que disputam a Copa do Mundo de 2014. De acordo com a entidade, nenhuma irregularidade foi detectada até então.

Os exames foram feitos em 800 jogadores pré-convocados para o Mundial – o que equivale a 91,5% do total de atletas chamados em definitivo para a disputa do torneio. Pela primeira vez na competição, a Fifa implantou um método mais avançado para a procura de substâncias ilegais.

O método utiliza não apenas amostras de urina, mas também sanguíneas. Além disso, foi traçado um perfil biológico de cada um dos atletas testados antes do início da competição, a fim de filtrar os testes.

Foi também a primeira vez que a entidade realizou exames com tamanha antecedência. Segundo a Fifa, os demais atletas que ainda não foram testados devem passar pelo controle antidoping a qualquer momento, sem aviso prévio.

Além dos testes pré-Copa, a entidade segue sorteando dois jogadores de cada equipe para a realização de exames após cada partida do Mundial.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade