Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

França capota carro e Figueira o devolve ao Verdão por "repetir erros"

Florianópolis (SC)

Recém-contratado pelo Figueirense, o volante França já não faz mais parte do elenco do clube. Ele se envolveu em acidente de carro na madrugada de quinta-feira e a demissão foi justificada pelo jogador "não cumprir as recomendações repassadas pelo departamento de futebol". O jogador será devolvido ao Palmeiras.

França está emprestado pelo Hannover, da Alemanha, ao Verdão até dezembro e tinha sido repassado ao clube catarinense há um mês, atuando em apenas uma partida. O Palmeiras, contudo, informa que ainda precisa concordar com a decisão do Figueirense antes de definir se o volante trabalhará com o elenco comandado por Ricardo Gareca.

O Figueira pediu ao Palmeiras que conseguisse com o Hannover a liberação para emprestar França e já utilizá-lo antes da Copa do Mundo - caso a transação ocorresse envolvendo o clube alemão, ele só atuaria depois do Mundial por ser uma negociação internacional. Mas o meio-campista só causou problemas à diretoria da agremiação alvinegra.

“O volante França teve seu contrato rescindido por justa causa e não faz mais parte do elenco do Figueirense para sequência da temporada. O jogador que se envolveu em um acidente de carro na madrugada da última quarta-feira recebeu todo o apoio da diretoria alvinegra, mas não cumpriu as recomendações repassadas pelo departamento de futebol e voltou a repetir os erros na madrugada desta quinta-feira”, explicou o Figueirense em nota oficial.

De acordo com o jornal Diário Catarinense, o jogador capotou seu carro no bairro Prainha, em Florianópolis, após sair de uma casa noturna. Mesmo machucado, ele abandonou o carro e pegou um táxi. Segundo a rádio CBN/Diário, França não realizou os exames médicos necessários na quinta-feira e ainda foi a duas casas noturnas, o que justificou a decisão do Figueirense.

Divulgação/Figueirense F.C.
O volante França se envolveu em acidente de carro e já foi devolvido pelo Figueirense ao Palmeiras