Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Satisfeito após empate com Gana, Lahm descarta influência do clima

Fortaleza (CE)

Após o empate em 2 a 2 com Gana, conquistado com um gol histórico do veterano centroavante Klose, muitos dos atletas alemães desabaram no gramado da Arena Castelão, em Fortaleza-CE, demonstrando extremo cansaço. Porém, a influência do clima foi descartado pelo experiente Lahm. Na visão do polivalente jogador, que se mostrou satisfeito com a igualdade, a exaustão veio devido à agressividade da configuração europeia.

“O tempo não tem nenhuma relação com isso. Nós conseguimos uma adaptação rápida com o clima daqui. O problema foi a agressividade do confronto. Foram 90 minutos cansativos. Gana nos deu espaço e impomos o nosso jogo, tocamos a bola e procuramos espaços. Porém, pecamos nos detalhes e eles foram determinantes para o resultado. São situações que precisam ser revistas”, sintetizou.

Analisando a partida com mais afinco, Lahm lamentou as situações desperdiçadas pela Alemanha, principalmente após as roubadas de bola: “Desde o primeiro minuto já tínhamos uma tática definida. Infelizmente, em determinados momentos, acabamos recuando. Tínhamos possibilidades de jogar mais no ataque, pressionar nos espaços cedidos, mas não fizemos. Porém, saímos de cabeça erguida”, relatou.

O próximo compromisso alemão será nesta quinta-feira, às 13 horas (de Brasília), diante dos Estados Unidos. O palco do confronto é a Arena Pernambuco, em São Lourenço da Mata-PE.

AFP
"Tínhamos possibilidades de jogar mais no ataque, pressionar, e não fizemos", disse o experiente Lahm