Futebol/Seleção Brasileira - ( - Atualizado )

Sem pensar em poupar, Dani Alves espera jogo duro de Camarões

Teresópolis (RJ)

Mesmo podendo empatar com Camarões para garantir a vaga nas oitavas de final, a ideia da Seleção Brasileira não é se poupar para o duelo decisivo da primeira fase. Para o lateral direito Daniel Alves, vale a pena correr o risco de ter um titular machucado devido à importância do jogo.

“Eu acho que aqui a gente não pode pensar muito em preservar. Estamos jogando a Copa do Mundo e a cada jogo aqui é de uma importância grande. Vamos tentar de alguma forma superar esse jogo duro deles, a intensidade que eles impõem no jogo. Vamos tentar buscar o resultado sem prejuízos maiores”, declarou o brasileiro.

Divulgação/Vipcomm
Daniel Alves acredita em confronto difícil, mesmo com Camarões eliminado. (Foto: Gaspar Nóbrega).
Até agora, em duas partidas, a seleção camaronesa cometeu 22 faltas e acumula um cartão amarelo e um vermelho. Song, punido com o cartão vermelho contra a Croácia, não encara o Brasil.

Apesar dos primeiros resultados de Camarões (derrotas por 1 a 0 e 4 a 0 para México e Croácia, respectivamente), Dani Alves não espera vida fácil e espera regularidade da Seleção Brasileira.

“Eu acho que a gente vai ter um jogo muito difícil pelo fato de que o rival não tem pressão nenhuma. A pressão toda passa para a gente, que está disposto a assumir essa responsabilidade. Esta competição só ganha os mais constantes não os que oscilam muito. Nosso objetivo é classificar como primeiro de grupo e é por isso que queremos vencer”, completou.