Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Semifinalista da Libertadores, Bolívar se reforça com ex-vascaino Tenório

La Paz (Bolívia)

Grande surpresa da Copa Libertadores da América, o Bolívar aproveitou o recesso promovido pela Copa do Mundo para reforçar seu elenco, presente nas semifinais do torneio internacional. O principal atleta presente no pacote confirmado pela diretoria é o atacante equatoriano Carlos Tenório, de 35 anos. O dianteiro, que já defendeu o Vasco da Gama, estava no El Nacional-EQU.

O “Demolidor”, como foi apelidado nos tempos de seleção equatoriana, chegou ao clube cruz-maltino em 2012, assinando um contrato de dois anos. Porém, sua passagem em São Januário acabou ofuscada pelas lesões. Durante seu primeiro Campeonato Carioca, o atacante rompeu o tendão de aquiles e ficou cinco meses parado. Quando voltou, agradou os torcedores com a raça demonstrada dentro das quatro linhas e se despediu com o prestígio do torcedor, rumo ao El Nacional. Pelo clube carioca, disputou 48 jogos e balançou as redes em 14 oportunidades.

Ídolo da LDU de Quito, Tenório também soma passagens por Arábia Saudita, Catar e Emirados Árabes Unidos, onde defendeu, respectivamente, as cores do Al-Nassr, Al-Sadd e Al-Nasr. No primeiro desafio em solo boliviano, o Demolidor terá a companhia dos também recém-contratados Óscar Rodas, atacante que defendia o Independiente Santa Fé-COL, e o volante Victor Córdoba, que já vestiu as cores do Duque de Caxias-RJ.

Após o Mundial, o Bolívar de Xabier Azkargota começa a disputa por uma vaga na final da competição diante do San Lorenzo-ARG. O jogo de ida está agendado para o dia 23 de julho, às 19h45 (de Brasília), em Nuevo Gasómetro, domínio argentino.

Marcelo Sadio/Divulgação/Vasco da Gama
Com o manto cruz-maltino, o "demolidor" Carlos Tenório disputou 48 jogos e balançou as redes 14 vezes