Futebol/ Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Suposta aliança entre Eurico e Dinamite movimenta eleição

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

Com a Série B do Campeonato Brasileiro paralisada para a disputa da Copa do Mundo, o ambiente do Vasco está tomado pelo clima das eleições presidenciais, previstas para o dia seis de agosto. Nos bastidores do clube surgiu a notícia de que Eurico Miranda, favorito ao pleito e grande nome da oposição, estaria fazendo uma aliança com o presidente Roberto Dinamite. O acordo teria começado a ser costurado durante uma reunião entre dirigentes vascaínos e o presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), Rubens Lopes.

A possibilidade de acordo entre as duas partes acabou por gerar grande preocupação entre os outros candidatos. Roberto Monteiro, da chapa Identidade Vasco, chegou a usar um encontro entre aliados para fazer severas críticas a esta aproximação.

“Não temos medo de bicho papão. Estamos indo para essa disputa para ganhar. Vai ser briga de cachorro grande. A arrogância do primeiro (Eurico) e a sua incapacidade, maquiada por bravatas, arruinou nosso clube, desmoralizando-o de todas as formas e, por fim, contribuindo para a queda para a Segunda Divisão do Campeonato Brasileiro. O outro (Roberto) recebeu todo o apoio, no entanto risonhamente incompetente, levou-nos, mais uma vez, para a Segunda Divisão. Os dois, em seus erros, não cuidaram de aspectos essenciais do nosso clube e com administrações caóticas, somente acumularam problemas e frustrações, esquecendo, naturalmente, da conquista de novos títulos”, disse Monteiro.

Roberto Dinamite não se manifestou sobre os rumores de uma aliança com Eurico. Já o ex-presidente emitiu nota desmentindo qualquer aproximação com a atual diretoria e explicando a reunião na Ferj.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Grande nome da oposição, Eurico Miranda teria feito parceria com o presidente Roberto Dinamite para as próximas eleições

Na nota, Eurico diz: "Mais uma vez figuras que ajudaram a colocar o VASCO na atual situação de penúria patrimonial, financeira e esportiva mentem sobre um suposto acordo meu com a atual administração do clube. Parceiros agora envergonhados do rebaixamento do VASCO, que abandonaram o barco quando viram o desastre que se aproximava, provam que continuam irresponsáveis num momento delicadíssimo para a nossa instituição. Há poucos dias estive com o Presidente do Conselho de Beneméritos, ao lado de todos os outros Presidentes de Poderes do VASCO, numa reunião com o Presidente da Federação de Futebol do Rio de Janeiro. O objetivo era restabelecer um diálogo entre o clube e a Federação. Uma reunião às claras e documentada para viabilizar um empréstimo ao Clube. O VASCO precisa urgentemente de recursos para pagar salários a jogadores e funcionários, sob risco de entrar em crise exatamente na volta à disputa do Campeonato Brasileiro. Esta é a minha participação e acredito dos demais Presidentes de Poderes. Ajudar o VASCO a superar essa difícil realidade, mesmo que para isso tenha que se utilizar recursos que deveriam entrar na próxima administração."

Além de Eurico e de Roberto Monteiro, participarão do pleito Tadeu Correia da Silva, da chapa "Vasco passado a limpo", Nelson Rocha, do "Vira Vasco", Eduardo Machado, do Pró-Vasco, Leonardo Gonçalves, da Cruzada Vascaína, Otávio Gomes, da "Chapa Azul", e Márcio Santos, da "Vanguarda Vascaína". Roberto Dinamite ainda não apoiou oficialmente nenhum dos nomes.

TREINO:

Dentro de campo o elenco participou de mais um treino na manhã desta sexta-feira no Estádio Eustáquio Marques, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Após um longo trabalho físico, os atletas foram divididos em times para a realização de uma atividade tática, que contou com um gol de oportunismo do atacante Kleber Gladiador, principal contratação para o segundo semestre. O jogador aproveitou rebote do goleiro para estufar as redes.

Neste sábado os jogadores voltam a treinar na parte da manhã e o domingo será de folga. Na próxima quarta-feira o plantel segue para um período de treinos em Atibaia (SP). O time volta a jogar no dia 15 de julho, contra o Santa Cruz, pela Série B.

Divulgação/Vasco da Gama
O atacante Klebler Gladiador marcou um gol no treino desta sexta-feira no Estádio Eustáquio Marques