Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Técnico da Coreia do Sul lamenta má atuação defensiva de sua equipe

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

Depois de fazer um bom enfrentamento no empate em 1 a 1 com a Rússia na primeira rodada da Copa do Mundo, a Coreia do Sul desabou diante da Argélia. O placar de 4 a 2 em favor da seleção africana veio com três gols ainda no primeiro tempo, sempre aproveitando falhas da defesa do time asiático. O técnico Hong Myung Bo, um ex-zagueiro que defendeu o país em Mundiais nos anos 90, reconheceu os problemas defensivos de seu time.

“Os argelinos estavam muito organizados, e a nossa defesa não esteve no nível desejado. Acho que os zagueiros deveriam ter estado mais seguros. O resultado fala por si. Não estivemos tão organizados como poderíamos”, analisou Myung Bo.

Ainda assim, o técnico não joga a toalha: para ele, apesar da péssima atuação, a Coreia do Sul segue com chances de se classificar: “peço desculpas para os torcedores coreanos e prometo que daremos o nosso máximo na próxima partida. Enquanto tivermos chances nós vamos lutar. Precisamos garantir que os jogadores estarão recuperados e não irão se abalar”, projetou.

A Coreia do Sul é a lanterna do Grupo H, com 1 ponto, mesma pontuação da Rússia, mas com saldo inferior. A equipe asiática precisa vencer a classificada Bélgica na próxima rodada e torcer para que a Argélia não vença os russos. Além disso, precisará descontar a diferença no saldo de gols.

Edu Andrade/Gazeta Press
Técnico Hong Myung Bo lamenta atuação do setor defensivo na derrota contra a Argélia