Futebol/Copa do Mundo - ( - Atualizado )

Técnico da Grécia lamenta gol em escanteio: ‘Não é normal’

Belo Horizonte (MG)

Após a frustrante derrota na estreia na Copa do Mundo por 3 a 0 para a Colômbia, o técnico da Grécia, Fernando Santos, avaliou que o resultado final foi injusto. Para ele, a partida foi mais equilibrada e o placar elástico não refletiu o que foi o jogo. O comandante ainda lamentou o gol sofrido de bola parada, que, para ele, acabou eliminando as chances de reação. O lance aconteceu em uma cobrança de escanteio, aproveitada por Teófilo Gutierrez dentro da área.

“Eles foram mais espertos no começo. Criamos pouco no primeiro tempo, tivemos dificuldade para nos concentrar. Revertemos a falta de confiança no intervalo e até começamos melhor no segundo tempo, mas sofremos um gol de bola parada, o que não é normal. Aí ficou complicado. O resultado foi exagerado”, comentou o português.

O técnico da Grécia ainda minimizou a influência da torcida colombiana, que lotou o Mineirão, no resultado final da partida. “Foi um grande espetáculo, mas meus jogadores têm muita experiência, não tem por que se afetar por isso”, afirmou.

AFP
Fernando Santos não escondeu o abatimento com a elástica derrota para a Colômbia, por 3 a 0

Santos também disse que seu time não descartou a classificação para a segunda fase do Mundial. “É preciso tirar as lições da derrota, refletir. Mas ainda é possível. Temos que vencer os dois jogos”, calculou.

A Grécia, integrante do Grupo C, terá pela frente o Japão e a Costa do Marfim na briga por uma vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo.

Publicidade

Publicidade


PublicidadePublicidade


Publicidade


Publicidade