Futebol/Copa do Mundo - ( )

Temos um objetivo em comum, diz Mavuba, sem se importar com o banco

Ribeirão Preto (SP)

Rio Mavuba é uma peça chave no elenco da seleção francesa. Mesmo no banco de reservas, o meio-campo é importante na hora de falar com os jogadores e unir ainda mais o grupo. Em entrevista coletiva, o jogador garantiu que “o mais importante é o objetivo que temos em comum”. A França lidera o grupo D, após uma excelente vitória, por 3 a 0, diante de Honduras.

“Eu sou um competidor e quero jogar, mas há um objetivo coletivo, as escolhas são feitas e nós temos que aceitar. Temos que nos manter nessa linha e ter a consciência de que estar em uma Copa do Mundo é incrível”, disse o jogador que esteve cotado a assumir o posto deixado por Ribéry, mas acabou perdendo a vagar par Oliver Giroud. “No início, houve decepção, mas ele é capaz de fazer o gol decisivo”.

Mavuba garante que sua relação com todos no elenco é muito boa, mesmo com Mickael Landreau, jogador com que nunca teve uma estreita amizade. “Entre nós está tudo indo muito bem. Há muita conversa, principalmente sobre o aspecto tático. Ele está muito bem”, garante.

Incômodo – O volante Yohan Cabaye tem sofrido com dores no adutor da coxa, mas não deve desfalcar o elenco no duelo contra a Suíça, na próxima sexta-feira, às 16 horas (de Brasília), na Arena Fonte Nova, segundo o auxiliar técnico da França, Guy Stephan.

AFP
Mavuba garante que clima entre jogadores da França é excelente e afirma entender a reserva