Futebol/Copa 2014 - ( - Atualizado )

Willian dá bronca e pede para pai evitar cobranças a Felipão

Teresópolis (RJ)

O pai do meio-campista Willian, Severino Vieira da Silva, cobrou nesta semana a entrada de seu filho na formação titular da Seleção Brasileira. No entanto, o jogador se manifestou nesta quarta-feira sobre o assunto e revelou que pediu para o pai não fazer mais declarações neste sentido.

“Pai é movido pela emoção e acaba falando, mas tenho certeza de que respeita todos os jogadores e o Felipão. Se perguntar para o pai de qualquer jogador, vai dizer que quer ver o filho jogando, é normal. Mas claro que já dei uma durinha nele, falei para não dizer mais nada”, comentou, sorrindo.

Willian é reserva na equipe de Luiz Felipe Scolari, mas vem sendo elogiado por suas entradas no decorrer dos jogos. O atleta chegou a ser cotado para a vaga de Oscar, sem convencer o treinador.

Assim, em entrevista concedida em frente à concentração, Severino afirmou que o filho “tem que ser titular”. Mesmo desconfortável com a manifestação, Willian entende a postura do pai em defendê-lo.

“Meu pai é meu ídolo, é o cara que sempre me motivou e me ajudou. Se estou aqui hoje, devo muito a ele, a minha mãe e minha irmã, que são as pessoas que sempre me ajudaram. Mas ele é movido pela emoção. Às vezes, acaba falando algumas coisas até demais, mas é assim, não tem como controlar os sentimentos dele, pois quer me ver jogando”, completou.