Futebol/Copa do Mundo 2014 - ( - Atualizado )

Zagueiro holandês que sofreu concussão volta a treinar em campo

Tossiro Neto, enviado especial Rio de Janeiro (RJ)

O zagueiro holandês Bruno Martins Indi, que chegou a passar uma noite em observação no hospital, depois de ter sofrido uma pequena concussão cerebral durante a partida contra a Austrália (na quarta-feira passada, em Porto Alegre), voltou a treinar na manhã desta terça, no campo do Flamengo, na Gávea.

Martins Indi perdeu a consciência momentaneamente ao cair com o rosto no chão, após uma dividida com o atacante australiano Tim Cahill. Ele foi retirado de maca, com o pescoço imobilizado, e encaminhado a um hospital da capital gaúcha, assustando a comissão técnica chefiada por Louis van Gaal, que suspeitava de uma lesão na coluna cervical.

A lesão, porém, não foi diagnosticada, e o defensor de 22 anos apenas passou uma noite em observação, sob companhia de Rien Heijboer, médico da seleção holandesa. Na manhã seguinte, na quinta-feira, recebeu alta e seguiu viagem com o restante da delegação, porém foi vetado de atividades físicas por alguns dias, o que o tirou da partida contra o Chile.

AFP
Bruno Martins cai desacordado após forte dividida com Tim Cahill, durante jogo contra a Austrália
Nesta terça-feira, no entanto, ele voltou a treinar com o grupo. Após começar os trabalhos sob orientação dos preparadores físicos, Martins Indi acompanhou os jogadores de linha que ensaiavam tabelas e finalizações de média e longa distância diante dos três goleiros do elenco (Jasper Cillessen, Michel Vorm e Tim Krul).

Classificada para as oitavas de final na primeira colocação do grupo B da Copa do Mundo, a Holanda agora terá pela frente o México, que ficou em segundo lugar na chave do Brasil. A partida está marcada para 13 horas (de Brasília) do próximo domingo, em Fortaleza.