Atletismo/Mundial Juvenil - ( )

Pupilo do técnico Nélio Moura conquista bronze no Mundial Juvenil

Eugene (EUA)

Treinado por Nélio Moura, mentor da campeã olímpica Maurren Maggi, Mateus Daniel Adão de Sá conquistou a medalha de bronze no salto triplo do Mundial Juvenil de atletismo. O torneio, disputado na cidade norte-americana de Eugene, foi encerrado neste domingo.

Para chegar ao pódio, o paulista de Dracena saltou 16,47m em sua segunda tentativa, quebrando o recorde brasileiro da categoria que pertencia a Gustavo Lima Pinto (16,36m) desde o dia 6 de setembro de 1995, marca mais velha, portanto, do que o próprio saltador, nascido no dia 21 de novembro do mesmo ano.

"Estava treinando para saltar mais de 16,40m e felizmente consegui. Achava que poderia ir ainda mais longe. Agora é dar sequência ao trabalho e tentar melhorar novamente o recorde ainda este ano", disse o atleta treinado por Nélio e Tânia Moura no Ibirapuera.

Divulgação
Treinado por Nélio Moura, mentor de Maurren Maggi, Mateus Daniel Adão de Sá exibe medalha de bronze
O cubano Lazaro Martinez (17,13m) e o alemão Max Hess (16,55m) ficaram com as medalhas de ouro e prata. respectivamente. Além do bronze de Mateus Daniel Adão de Sá, o Brasil conquistou o título no disco com Izabela Rodrigues, primeira mulher do País a ganhar um Mundial Juvenil de atletismo. Assim, o time nacional terminou no 13º lugar do quadro de medalhas.