Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Diretoria do Tigre anuncia mais um reforço para o setor ofensivo

Goiânia (GO)

Visando reverter a atual situação da equipe, que ocupa a lanterna da Série B do Brasileiro, a diretoria do Vila Nova oficializou, nesta quinta-feira, a contratação de mais um reforço para a sequência da temporada. O atacante Júnior Xuxa, de 30 anos, rescindiu contrato com o Icasa e se transferiu da equipe cearense para o centro-oeste como uma das esperanças ofensivas do Tigre na Segundona.

Visivelmente acima do peso, o jogador já iniciou a rotina de treinamentos, alternando reforço muscular e trabalhos técnicos, para readquirir a forma física ideal. Não é à toa que o ataque é o setor que foi mais reforçado durante a inter temporada: o Vila Nova tem o pior índice ofensivo entre as 20 equipes da Série B, com somente dois gols marcados – sendo um contra.

Ao comentar sobre os reforços recém-integrados ao elenco, o volante Radamés preferiu manter a imparcialidade. “Todos os jogadores que chegaram, pelo que vi nos treinamentos, têm qualidade para jogar e ajudar a equipe”, afirmou.

Xuxa é o sexto reforço apresentado pelo colorado goiano para a continuidade da competição nacional. Antes dele, o zagueiro João Paulo, o lateral Rafinha, o meio-campista Paulinho e os atacantes Jheimy e Thiago Silvy foram contratados, resultando em um elenco com 28 atletas para o resto da temporada.

O Tigre volta a campo em uma espécie de ‘duelo dos desesperados’. Na terça-feira, dia 15, o lanterna recebe o vice-lanterna Boa Esporte, às 19h30 (de Brasília), no Serra Dourada, em Goiânia (GO). Com dois pontos conquistados, uma vitória não livra a equipe da última posição, mas diminui a diferença de pontos em relação aos outros times que estão na zona da degola, inclusive o Boa, que tem oito pontos somados.

Divulgação
Buscando entrosar os reforços, elenco do Vila Nova treina para alavancar campanha no segundo semestre