Futebol/ Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Em dificuldade financeira, Atlético-GO empresta meia Fábio Lima

Goiânia (GO)

Com dificuldades financeiras para reforçar o elenco na sequência da disputa da Série B do Brasileiro, o Atlético-GO ainda terá o grupo de jogadores enfraquecido para o restante da competição.Isso porque, através do diretor de futebol Adson Batista, o “Dragão” informou na última terça-feira, que o meia Fábio Lima será emprestado a um time dos Emirados Árabes para aliviar as despesas do clube.

“Eu acho que a salvação financeira do Atlético teria que ser uma coisa diferente, uma venda. Mas ninguém manifestou interesse em comprar o Fábio Lima. Então Juntamos a vontade do atleta em não permanecer no clube e nossa dificuldade financeira. Seu empresário conseguiu um clube fora do país, no Oriente Médio, e vamos emprestá-lo até o final do ano”, disse o dirigente, que em nenhum momento escondeu os problemas financeiros do clube.

Adson ainda comentou que seria interessante se o jogador pudesse ficar no Atlético-GO para a disputa do acesso à Série A, mas a falta de motivação do alteta em continuar na equipe e a saúde financeira do clube impedem a manutenção do atleta: “O ideal era que o jogador ficasse e pudesse nos ajudar, pois é um atleta que tem potencial. Mas a somatória das nossas dificuldades e o fato de o jogador também não estar disposto a passar por esse momento complicado aqui, vamos aceitar essa negociação. O Valor da negociação vai trazer um equilíbrio para o clube durante um mês ou mais. E é algo positivo, pois no Brasil esses valores (de empréstimo) são menores. Vejo agora que temos que seguir a vida, buscar reforços para a equipe”.

Divulgação/Atletico-GO
O meia Fábio Lima não pretende continuar vestindo a camisa do Atlético-GO e será emprestado a um clube dos Emirados Árabes

Reforços

Atual 14º colocado da Série B, com apenas 10 pontos, e um a mais que o primeiro time da zona de rebaixamento (Paraná), o Atlético-GO busca reforços mesmo com a situação financeira delicada. Pelo menos é o que diz Adson, que ainda vê chances do Dragão fazer um bom campeonato.

“Estamos pegando quem está aqui, temos que equilibrar isso e depois buscar os reforços. O Atlético precisa de três jogadores urgentemente, temos um elenco pequeno e agora vamos pegar uma bateria de jogos muito intensa. Mas infelizmente e questão financeira não permitiu isso. Tenho esperança de superar isso e vamos trabalhar para fazer um bom campeonato”, analisou o diretor de futebol.

O Rubro-Negro volta a campo pela Segundona contra o Avaí, no dia 15 de julho, às 19h30, na Ressacada, em Florianópolis.