Futebol/Copa 2014 - ( )

Júlio César terá vídeo completo de colombianos para novos pênaltis

Tossiro Neto, enviado especial Teresópolis (RJ)

As duas defesas de Júlio César na disputa de pênaltis contra o Chile, no sábado, tiveram uma parcela de contribuição significativa de um vídeo ao qual o goleiro da Seleção Brasileira havia assistido sobre detalhes dos batedores rivais. Para o jogo de sexta-feira, diante da Colômbia, um novo material já está sendo produzido.

Quem seleciona as imagens é Thiago Larghi, analista de desempenho da comissão técnica. Finalizada sua busca por pênaltis dos adversários, ele repassa o conteúdo ao preparador de goleiros Carlos Pracidelli, que, na sexta-feira (véspera do jogo em Belo Horizonte), chamou os três jogadores da posição para estudar as cobranças por 40 minutos.

No dia da partida, Júlio César disse aos colegas de linha que iria defender três cobranças. Defendeu as duas primeiras, dos atacantes Mauricio Pinilla e Alexis Sánchez. Na última, que o zagueiro Gonzalo Jara acertou a trave direita, o goleiro brasileiro escolheu o canto certo e ficou bem próximo da bola. "Foi por pouco. Tudo graças ao seu talento, mas também ao vídeo que nós assistimos", diz Pracidelli.

Gazeta Press
Goleiro brasileiro fez duas defesas de cobranças chilenas (Crédito: Washington Alves/Gazeta Press)
Próximo adversário, a Colômbia tem um gol de pênalti neste Mundial. Foi anotado pelo meia Juan Cuadrado, com um chute forte, no canto esquerdo do goleiro, na vitória por 4 a 1 sobre o Japão, ainda na primeira fase da competição. Para ter um conteúdo completo, o analisa de desempenho varre jogos antigos da seleção adversária e também dos clubes de cada jogador. No caso de James Rodríguez, o francês Monaco, por exemplo.

O que também passou confiança a Júlio César, além do estudo feito na noite anterior, foi um terço entregue a ele por Victor. Um terço que o terceiro goleiro brasileiro carrega desde a final da Copa Libertadores de 2013, quando o ganhou de um torcedor e o colocou atrás da linha do gol. Na ocasião, seu time, o Atlético-MG, derrotou o Olimpa, do Paraguai, no mesmo Mineirão em que o Brasil acaba de eliminar o Chile, pelas oitavas de final da Copa.

"Foi um reforço a mais para o Júlio, mas a gente não pode deixar de enaltecer e enfatizar a qualidade dele. Ele vem se preparando para isso. Tenho certeza de que ele ainda vai nos ajudar muito nessa caminhada para nosso objetivo", elogiou o atleticano, na terça-feira.