Futebol/Copa 2014 - ( )

Paulinho se considera recuperado após melhora como titular do Brasil

Helder Júnior, enviado especial Fortaleza (CE)

O volante Paulinho recuperou a sua autoestima na vitória por 2 a 1 do Brasil sobre a Colômbia, na sexta-feira. Antes chateado com as más atuações que o levaram para a reserva de Fernandinho, ele se animou com a oportunidade de substituir o suspenso Luiz Gustavo no Castelão e mostrou-se melhor tecnicamente.

“Deus faz as coisas na hora certa. Quando você está do lado de fora, consegue observar tudo um pouco melhor”, comentou Paulinho, que já havia exibido disposição diante do Chile. O volante suplente foi um dos que mais incentivaram os seus companheiros na hora da disputa de pênaltis. “Era um momento de dificuldade, de tensão. Procurei passar uma mensagem positiva e tenho certeza de que ajudei”, sorriu.

Paulinho pouco tinha ajudado até então. Eleito o terceiro melhor jogador da Copa das Confederações do ano passado, o volante não conseguiu atuar como nos tempos de Corinthians nas primeiras rodadas da Copa do Mundo. Foi apagado como costuma ser no Tottenham, da Inglaterra.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Assim como os seus companheiros, Paulinho agradeceu pelo apoio para a melhora da Seleção Brasileirabar
“Não é uma desculpa, até porque a gente precisa jogar bem em qualquer situação, mas o fato de não estar jogando na Europa me atrapalhou. Entendo a opção do treinador e não vou questionar ninguém. Só que, quando você está sem jogar há algum tempo, existe a falta de ritmo”, culpou.

Paulinho ainda não sabe se terá uma nova sequência na Seleção Brasileira, uma vez que Luiz Gustavo retornará de suspensão contra a Alemanha. As mais recentes baixas do time anfitrião da Copa são o atacante Neymar, contundido gravemente, e o zagueiro e capitão Thiago Silva.

“Estamos falando de dois dos nossos melhores jogadores. Para mim, o Thiafo Silva forma a melhor dupla de zaga do mundo com o Thiago Silva. As saídas são uma grande perda, mas tenho certeza de que conseguiremos nos superar”, pregou Paulinho.