Futebol/Copa do Brasil - ( - Atualizado )

Apesar de derrota, jogadores do Grêmio confiam na virada em Santos

Porto Alegre (RS)

Os jogadores do Grêmio deixaram em campo visivelmente frustrados com a derrota por 2 a 0 para o Santos, em plena Arena. Alguns deixaram o campo sem conversar com os repórteres, saindo rapidamente do gramado. Os que ficaram deram um discurso semelhante: apesar do fracasso em casa, a boa atuação permite sonhar com um resultado melhor quarta que vem, na Vila Belmiro.

“Derrota difícil, nós tivemos várias ocasiões, mas infelizmente o gol não saiu. A equipe jogou bem, se impôs dentro de casa, jogou bom futebol. Não vamos jogar a toalha, não. O jogo lá é difícil, mas a gente tem tudo para reverter”, afirmou o lateral direito Pará. “Temos que pensar agora no próximo jogo, contra o Bahia. Mas se eles ganharam aqui nós podemos vencer lá”, projetou o zagueiro Rhodolfo.

Para o meia Giuliano, o Santos “achou” dois gols na noite desta quinta. “Fomos muito superiores hoje, mas não conseguimos converter em gol. A gente foi para a pressão, chutamos, cruzamos, tentamos de todas as formas, mas a bola não entrou. Eles foram felizes, acharam dois gols, e isso condicionou todo o resto da partida”, analisou o articulador.

Para a partida de volta, somente uma vitória por dois ou mais gols de diferença, desde que o Grêmio marque ao menos três vezes, serve para a classificação gremista. Em caso de o Tricolor devolver o 2 a 0, a decisão vai para os pênaltis. Domingo o time gaúcho recebe o Bahia, pela 18ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
“Fomos muito superiores hoje, mas não conseguimos converter em gol", discorreu o meia tricolor Giuliano