Futebol/Campeonato Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Apesar de derrota no fim, Felipão vê evolução no Grêmio

Porto Alegre (RS)

Em seu terceiro jogo no comando do Grêmio, Luiz Felipe Scolari aos poucos vai dando sua cara ao Tricolor. Na derrota por 1 a 0 para o Cruzeiro, o treinador viu um Grêmio equilibrado, aguerrido e com estilo de jogo começando a se encaminhar para aquilo que os torcedores tricolores mais valorizam: muita entrega e determinação por parte dos jogadores.

“Com o Criciúma nós avançamos um pouquinho. Hoje, mesmo com a derrota, mais um pouco. Tivemos qualidade com entrega, raça e determinação, trabalhando com um sentido tático que criou dificuldades para o adversário”, entende Scolari. “Em outros jogos o Cruzeiro criou dez vezes mais chances que hoje. O Grêmio foi equilibrado, compacto, podia ter ganhado o jogo. Nosso estilo de jogo também está bem encaminhado. Aos poucos vamos tendo uma equipe equilibrada e com boa chance de realizar um bom campeonato ainda este ano”, projeta.

A exemplo dos jogadores, Felipão lamentou a derrota sofrida no final, quando o Grêmio controlava o jogo: “foi um gol que não estávamos preparados para tomar do jeito que estávamos jogando. Temos que continuar trabalhando para que não aconteça mais. Fizemos um excelente jogo. Entendo que o Grêmio voltou a ser uma equipe competitiva, de qualidade, que propõe o jogo. Estamos evoluindo taticamente”, elogiou o comandante azul.

Sobre a volta ao Mineirão, cenário em que viu sua seleção brasileira tomar 7 a 1 da Alemanha na semifinal da Copa do Mundo, Felipão foi rápido e objetivo: “foi como voltar em qualquer estádio. Nada mudou, não tem nada de diferente na minha vida. O trabalho continua, tudo igual”, garantiu.