Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Botafogo derrota Chapecoense no Maracanã e se afasta da degola

Rio de Janeiro (RJ)

O Botafogo derrotou a Chapecoense por 1 a 0, em partida disputada na noite deste sábado,no Maracanã. O único gol do jogo foi marcado pelo peruano Ramirez,, em conclusão de muita categoria. Os três pontos conquistados fizeram o Alvinegro de General Severiano respirar em relação à tabela de classificação do Campeonato Brasileiro.

O Botafogo agora soma 19 pontos ganhos e ocupa a 12ª posição. A Chapecoense segue com os mesmos 19 pontos e está na 13ª colocação.

O time carioca fez um bom primeiro tempo quando estabeleceu a vantagem, mas caiu muito de produção na etapa final e contou com Jefferson que fez defesas importantes no momento em que a equipe catarinense buscou o gol do empate.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrentará o Santos, no Maracanã. A Chapecoense, por sua vez, visita o líder Cruzeiro, no Mineirão, onde os mineiros estão invictos.

O jogo - Apoiado pela torcida, o Botafogo partiu para pressionar a defesa da Chapecoense, mas as ações se limitavam a cruzamentos que eram bloqueados pela zaga catarinense.Aos quatro minutos, o zagueiro Grolli vacilou na saída de bola e acabou chutando em cima de Ferreyra, a bola saiu, mas deu um grande susto no goleiro Danilo que estava fora da jogada.

A primeira jogada de ataque da Chapecoense só aconteceu aos dez minutos, quando após cobrança de escanteio,a sobra ficou com Camilo que chutou para boa defesa de Jefferson. Sem conseguir penetrar na defesa visitante, o Botafogo passou a arriscar, de fora da área. O lateral-direito mandou duas bombas aos 14 e 16 minutos, levando perigo ao gol defendido por Danilo.

Aos 17 minutos, a Chapecoense voltou a perturbar. Ednei avançou pela esquerda, se livrou de Edilson e chutou forte para Jefferson defender em dois tempos.

Divulgação
Botafogo e Chapecoense fizeram um duelo equilibrado. Um golaço do peruano Ramírez fez a diferença para o Fogão (Foto: Chapecoense)
O Botafogo continuava sem conseguir penetrar na área e ainda contava com os laterais Edilson e Junior Cesar pouco inspirados nos cruzamentos.

Aos 23 minutos, André Bahia falhou ao tentar dominar a bola e quase que Bruno Rangel chega primeiro, mas Jefferson se antecipou e mandou para longe.

Com Daniel e Zeballos sem produzir bem, Ferreyra era obrigado a recuar para participar do jogo, o que reduzia o poder ofensivo da equipe alvinegra.

Além de não jogar bem, o Botafogo ainda era prejudicado pelos erros da arbitragem que marcou dois impedimentos inexistentes de Fereyra e Zeballos quando eles estavam em boa posição, na grande área.

Aos 31 minutos,o Botafogo marcou o primeiro gol. O meia Ramirez recebeu no bico da grande área, cortou para o meio e bateu colocado, no ângulo esquerdo de Danilo que se esticou,mas não pegou nada.

Depois de sofrer o gol, a Chapecoense tentou adiantar sua equipe, em busca do gol de empate, mas o time carioca se defendia com segurança e tentava partir em velocidade, embora a má atuação de Daniel prejudicasse as manobras ofensivas.

A Chapecoense voltou para o segundo tempo com uma postura diferente. Seus atacantes tentavam dificultar a saída de bola da equipe carioca, obrigando os zagueiros a apelar para os chutões. Aos cinco minutos, Edilson bateu falta e o goleiro Danilo quase entra com a bola, ao fazer a defesa.Aos dez minutos, depois de boa troca de passes, Ramirez arriscou de fora da área e Danilo defendeu no canto direito.

Aos 15 minutos,o técnico Vagner Mancini trocou o discreto Daniel por Yuri Mamute, numa tentativa de dar mais força ao ataque.

Aos 16 minutos,o goleiro Jefferson evitou o gol do empate, ao defender, de forma sensacional, uma cabeçada de Grolli, após cruzamento de Ednei. O lance animou o time catarinense que partiu para buscar o gol do empate, colocando o atacante Tiago Luis no lugar do volante Abuda.Aos 24 minutos, Camilo foi lançado,pelo alto,entre os zagueiros,mas falhou na cabeçada.

Aos 25 minutos, um grande susto na torcida carioca.Bruno Rangel chutou de curva, a bola tocou na trave esquerda, nas costas do goleiro Jefferson e saiu para escanteio.

O Botafogo caiu muito de produção e não conseguia mais controlar as ações do meio campo,permitindo que a Chapecoense ficasse mais tempo com a bola e organizasse melhor as jogadas de ataque.Só aos 30 minutos é que equipe carioca voltou a dar o da graça no ataque, em chute de Ramirez que Danilo desviou para escanteio.

Para tentar segurar o ímpeto da Chapecoense, Vagner Mancini trocou o atacante Zeballos pelo volante Sidney.

O Botafogo tentava segurar a bola para gastar o tempo e impedir que o adversário fizesse pressão sobre a sua defesa. Aos 42 minutos, Ferreyra recebeu dentro da área e,mesmo marcado, girou para concluir, mas a bola saiu.