Futebol/Futebol Internacional - ( - Atualizado )

Ancelotti admite que Di María quer sair e espera solução do atleta

Madrid (Espanha)

De acordo com o site inglês Caughtoffside, o argentino Di María deve fechar acordo com o Manchester United nas próximas 48 horas. Irritado com o assunto, o técnico do Real Madrid, Carlo Ancelotti, confirmou nesta quinta-feira que o meia se recusou a renovar contrato e pediu para deixar o clube espanhol.

"Di María pediu para sair nessa janela e recusou a renovação. Buscamos uma solução. Se quando o mercado fechar ele continuar aqui, trabalhará conosco como no ano passado. Não há problema", afirmou o treinador nesta quinta, véspera do jogo de volta da final da Supercopa da Espanha com o Atlético de Madrid. 

Segundo a publicação, o Manchester teria negociado com o atleta um contrato de aproximadamente 70 milhões de euros, cerca de R$ 210 milhões. Os Diabos Vermelhos querem selar a contratação até a próxima sexta-feira. Realmente interessado em deixar Madrid, o jogador teria conversado com o Paris Saint-Germain, mas os franceses não puderam pagar a transferência do meia. 

Desde a Copa do Mundo, os boatos sobre a saída de Di María ganharam força. O motivo de sua vontade em deixar o clube seria uma suposta "falta de reconhecimento" do Real. O jornal espanhol Marca afirma que Cristiano Ronaldo e Sergio Ramos, duas personalidades influentes no clube, estariam fazendo lobby para a permanência do argentino no clube.

AFP
Segundo jornal inglês, negociação de Di María com Manchester United é iminente