Futebol - ( - Atualizado )

Em festa sem tradicional presença de Andrés, Gaviões apoia Goulart

São Paulo (SP)

A Gaviões da Fiel comemorou na madrugada de domingo seu aniversário de 45 anos em uma festa que não teve a habitual presença de Andrés Sanchez. Estremecido com as organizadas do Corinthians especialmente pela política de preços do estádio de Itaquera, o ex-presidente não ocupou o palco para mais um de seus discursos inflamados, geralmente aplaudidos com entusiasmo e rufos de bateria.

Candidato a deputado federal pelo Partido dos Trabalhadores (PT), Andrés ficou sem o apoio da uniformizada de que já foi muito próximo. A entidade preferiu se manter fiel a Goulart, do Partido Social Democrático (PSD), historicamente ligado a ela. O candidato a deputado estadual apoiado pela Gaviões é o vereador Capá, do PT, participante ativo da própria torcida e famoso por ter participado de briga com vascaínos, no ano passado, em Brasília.

"Tomamos uma decisão muito importante. Os nossos representantes vão ser o Goulart e o Capá", anunciou o presidente Wagner da Costa, o popular BO, passando a palavra aos candidatos, que se pronunciaram sem o impacto de Andrés. A abarrotada quadra da organizada, além de suas bandeiras, tinha uma grande faixa com os nomes e números daqueles que a direção espera ver em Brasília no próximo ano.

Divulgação
O show com sinalizadores e bandeiras tremulando não foi acompanhado por Andrés
Política à parte, a festa se estendeu durante toda a madrugada, terminando de manhã com a performance de Arlindo Cruz. O sambista se apresentou com um banjo verde, mesma cor da toalhinha que usava para secar o rosto. "Esse verde aqui é do Império Serrano, não é outra coisa, não. Aqui é gavião!", bradou, ganhando um chapéu da Gaviões e dando sequência com ele a seu show.

O próprio convite da festa proibia a entrada na quadra da organizada com trajes na cor do Palmeiras -- além de bebidas alcoólicas e objetos pontiagudos --, e o ódio ao arquirrival foi cantado diversas vezes. Houve pirotecnia com fogos de artifício e sinalizadores, bonito tremular de bandeiras com mastro e participação da bateria Ritimão. Andrés Sanchez não estava lá para ver.