Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Em seu segundo clássico, Mouche pede Pacaembu lotado no Choque-Rei

São Paulo (SP)

Titular na derrota para o Corinthians em Itaquera, Mouche quer o Pacaembu lotado para seu primeiro clássico como anfitrião no Palmeiras. Provável novidade do time, o argentino pede estádio lotado no Choque-Rei das 16 horas (de Brasília) deste domingo.

“Espero que a torcida lote o estádio, nos empurre em todos os minutos e nos ajude a sair de campo com a vitória”, comentou o atacante, confiante. “Todo jogador gosta desse tipo de partida. Estou há pouco tempo no Palmeiras e já sei o quanto este jogo representa para o clube. Trabalhamos muito bem durante a semana e estamos preparados.”

O Palmeiras não divulgou parcial de ingressos neste sábado, mas informou na sexta-feira que foram esgotadas as entradas para as arquibancadas verdes e amarelas do Pacaembu, com 13 mil ingressos vendidos antecipadamente.

Mouche foi titular na derrota por 2 a 0 para o Corinthians e, desde então, passou a ser reserva de Leandro. O camisa 38, contudo, tem irritado a torcida e, finalmente, deve perder a posição para o argentino que balançou as redes uma vez em seis jogos pelo clube, quando garantiu a vitória por 1 a 0 sobre o Avaí no Pacaembu, pela Copa do Brasil.

Divulgação
Argentino foi titular no Derby e deve voltar ao time contra o São Paulo, neste domingo (Cesar Greco/Ag Palmeiras)
Apesar de o time não vencer no Brasileiro há oito rodadas e estar e um ponto da zona de rebaixamento no início desta 15ª rodada, o camisa 14 aposta na vitória alviverde no Choque-Rei, independentemente de o rival estar na quinta colocação com nove pontos a mais do que o Palmeiras.

“O São Paulo possui uma das melhores equipes do Brasil, com jogadores de qualidade, que poderiam vestir a camisa da Seleção Brasileira. Mas também temos jogadores com muito potencial e sabemos que podemos vencer”, declarou Mouche.

“Respeitamos a equipe deles, mas esses jogos são fundamentais para recuperar a confiança. Entraremos em campo com muita vontade e lutaremos do início ao fim para conseguir a vitória e dar o primeiro passo para sair dessa má fase”, prosseguiu o atacante.