Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Flamengo pós-Luxemburgo é a equipe que mais pontuou no Brasileiro

Rio de Janeiro (RJ)

Seis jogos foram suficientes para devolver o orgulho para a torcida do Flamengo. De potencial rebaixado a quatro vitórias seguidas, o rubro negro já deixou a zona de descenso do Campeonato Brasileiro. E mais: Sob o comando do técnico Vanderlei Luxemburgo, a equipe abriu cinco pontos da posição ingrata na tabela e deve finalizar o primeiro turno entre os dez primeiros colocados – já está um ponto atrás do Santos.

Desde que o treinador assumiu o Flamengo, em 24 de julho – exatamente um mês antes da vitória neste domingo – o rubro negro é o time que mais pontuou na competição. Em seis jogos, são cinco vitórias (Botafogo, Sport, Coritiba, Atlético-MG e Criciúma) e apenas uma derrota (Chapecoense), totalizando 15 pontos ganhos. Líder e regular, o Cruzeiro vem logo atrás com 14 pontos, seguido por São Paulo e Figueirense, que conquistaram 13 pontos dos 18 possíveis.

Divulgação/Flamengo
Léo Moura e Eduardo da Silva são dois dos destaques do Flamengo no Campeonato Brasileiro
“Só avançamos e não terminou. Se levarmos pancada, vem tudo de novo. Temos que ficar contentes, mas termos seriedade. Ainda tem uma distância grande até o fim da competição. É uma projeção de tabela com jogos difíceis pela frente, principalmente na virada do turno. É preciso muita atenção em um campeonato tão difícil”, pediu o técnico cauteloso mesmo com os últimos resultados.

Luxemburgo chegou ao clube de coração contestado por grande parte dos críticos. Os motivos apresentados eram os recentes trabalhos sem destaque positivo do técnico de 62 anos, principalmente no Grêmio e no Fluminense, onde lutou contra o rebaixamento, mas foi demitido antes do fim do Campeonato Brasileiro.

Divulgação/Flamengo
Torcida rubro negra também tem grande culpa pelos resultados do Flamengo
No Flamengo, as mudanças dentro de campo podem ser a explicação pela diferença nos resultados pré e pós-Luxemburgo. Antes da chegada do treinador, Felipe era o goleiro titular – apesar das diferenças com o ex-técnico Ney Franco. Paulo Victor assumiu e não largou mais o posto. Everton, Cáceres e João Paulo foram mais três atletas que herdaram a vaga nos 11 titulares.

O argentino Hector Canteros chegou ao clube e também assumiu uma vaga rapidamente. A contratação de Eduardo da Silva, brasileiro naturalizado croata que disputou a Copa do Mundo também conquistou a posição na equipe e deu mais consistência ao ataque rubro negro.

Na próxima rodada o rubro negro carioca enfrenta o Vitória, lanterna, em Salvador, e fecha o primeiro turno diante do Grêmio, no Maracanã.

Divulgação/Flamengo
Flamengo melhorou após a chegada de Vanderlei Luxemburgo e conquistou cinco vitórias em seis jogos