Futebol/Campeonato Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Gabriel Xavier indica ‘luz no fim do túnel’ para a Lusa na Série B

São Paulo (SP)

A Portuguesa encerra o primeiro turno da Série B do Campeonato Brasileiro na zona de rebaixamento. A última exibição da equipe do Canindé, porém, reacendeu as esperanças do torcedor que tenta não imaginar ver o time rubro-verde disputar a terceira divisão pela primeira vez na história. A chave para a recuperação do otimismo passa pelo meio de campo: Gabriel Xavier.

Destaque da Lusa antes da parada para a Copa do Mundo, quando a equipe somou alguns pontos. No retorno após o Mundial, porém, o camisa 10 teve sua sequência interrompida, já que sofreu uma lesão no quarto metatarso do pé direito, no empate por 0 a 0 com a Ponte Preta.

A Portuguesa, desde então, passou a sentir falta de seu meia. O diretor Rodrigo Fabri, que chegou a ser ídolo no Canindé como jogador, lamentou a ausência do jogador durante o período mais complicado da equipe, no qual a Lusa chegou a figurar na última colocação do Campeonato Brasileiro.

Nesta terça-feira, porém, o cenário foi alterado. Desde que voltou de lesão, Gabriel Xavier atuou pela primeira vez os 90 minutos da partida, e correspondeu às expectativas do treinador Silas. O meia abriu o placar com um golaço, viu o Vila Nova empatar, mas foi valente para buscar a virada já nos minutos finais.

O resultado não só tirou a Portuguesa da última colocação. Ao fim do primeiro turno, a equipe do Canindé pode ficar apenas a dois pontos da primeira equipe fora da zona de rebaixamento. Era a esperança quase adormecida que o torcedor esperava ter de volta. A demonstração de confiança pode acontecer na próxima terça-feira, quando a equipe joga novamente em casa, contra o Joinville.