Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Muricy deixa SC conformado com empate: "Não foi tão ruim"

Florianopolis (SC)

O empate com o Figueirense, que recentemente lutava para deixar a zona de rebaixamento, não foi considerado um péssimo resultado pelo técnico do São Paulo. Na opinião de Muricy Ramalho, mesmo desfalcado, o time mostrou pontos positivos no 1 a 1 em Florianópolis.

"Quando começa a mexer muito, é complicado. Mas, em um todo, o time respondeu, brigou até o final, conseguiu um ponto, o que não é tão ruim fora de casa. O importante é ganhar, viemos com essa intenção, mas não acho que foi tão ruim", analisou, ainda no Orlando Scarpelli.

As circunstâncias ajudam a entender o conformismo de Muricy, ainda que a distância para a liderança tenha voltado a ser de nove pontos. Além de ter saído em desvantagem e buscado o empate aos 30 minutos do segundo tempo, o São Paulo teve Michel Bastos expulso, no final.

Rubens Chiri/www.saopaulofc.net
Treinador do São Paulo entende que, com o time desfalcado, resultado em Florianópolis não foi dos piores
Isso, no entanto, não o impediu de imaginar que o placar poderia ter sido mais favorável caso o lateral esquerdo Álvaro Pereira, o meia Paulo Henrique Ganso e o atacante Alexandre Pato não estivessem suspensos.

"O time estava bem entrosadinho, eles se deram bem ali na frente, com o tempo foram melhorando. Faltou um monte de coisa. Os jogadores, juntos, fazem diferença, têm mais entrosamento", observou.

Há quatro dias em Santa Catarina, onde também enfrentou o Criciúma (na quinta-feira, pela estreia na Copa Sul-americana), o elenco são-paulino finalmente retornará à capital paulista, onde se reapresenta aos trabalhos na tarde desta segunda-feira, no CT da Barra Funda.