Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Por cabeçada em Thiago Motta, Brandão é suspenso temporariamente

Paris (França)

Após o duelo entre Paris Saint-Germain e Bastia, válido pela segunda rodada do Campeonato Francês, houve confusão nos vestiários do Parque dos Príncipes. Em tumulto generalizado, o centroavante brasileiro Brandão, que defende o clube da Córsega, atingiu o conterrâneo – naturalizado italiano – Thiago Motta com uma cabeçada. Registrado em vídeo, o ato gerou punição ao dianteiro, que está temporariamente suspenso até o dia 18 de setembro.

Três semanas após a conclusão da investigação do caso, Brandão saberá o tempo exato de gancho. Apesar de desnecessário, o atacante compareceu à audiência, mas não se alongou com a imprensa. Entretanto, via Twitter, o jogador do Bastia se mostrou arrependido do incidente.

“Quero pedir perdão ao meu colega Thiago Motta e aos meus colegas por esse gesto. Eu me arrependo de minha atitude, mas conto com a compreensão daqueles que me conhecem”, disse o brasileiro, que apagou a mensagem tempos depois.

Comandante do clube da Córsega, Claudio Makelele, que brilhou nos Bleus, ainda não decidiu se Brandão seguirá no elenco. Neste contexto, Motta terá que usar uma máscara, já que o diagnóstico médico apontou fratura no nariz. No compromisso passado, os parisienses triunfaram por 2 a 0.