Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Santos quer superar sequência trágica para "ressurgir" no Brasileiro

Santos (SP)

A tabela de jogos do Campeonato Brasileiro foi cruel com o Santos. Em pouco menos de um mês, o Peixe enfrentou os quatro primeiros colocados do Brasileirão, em sequência, sendo três fora de casa. E os resultados não podiam ser piores. O time de Oswaldo de Oliveira perdeu para Fluminense, Internacional, Corinthians, Cruzeiro e despencou da 5ª para a 10ª colocação.

"É decorrência da competição. Tivemos uma sequência de adversários difíceis, principalmente fora de casa", disse o treinador, evitando reclamar ou culpar terceiros.

A situação só não foi pior porque no meio da série de pedreiras, o alvinegro praiano recebeu a Chapecoense na Vila Belmiro e acabou vendendo até com certa tranquilidade. No entanto, o objetivo de ser inserido no G-4, o que já não acontece desde outubro de 2010, foi por água abaixo.

Para Oswaldo, as derrotas foram mais amargas em função de um bom desempenho da equipe em todos os confrontos contra os líderes. "Contra o Corinthians foi atípico, foi na Vila. Poderíamos ter vencido se não houvesse a expulsão (do Alison), principalmente. Mas nos outros, tivemos as oportunidade contra Fluminense, Inter e Cruzeiro. São times pesados, difíceis de segurar", lamentou.

Ricardo Saibun/Santos FC
Técnico reconhece superioridade dos concorrentes ao título, mas cobra evolução nas próximas rodadas
Agora, o Peixe se prepara para encarar uma nova sequência, desta vez contra adversários tecnicamente mais frágeis. Em um mês, Robinho e companhia vão tentar resgatar o time no campeonato contra Atlético-PR (em casa), São Paulo (fora), Botafogo (fora), Vitória (em casa), Sport (fora), Coritiba (em casa), Grêmio (fora) e Figueirense (em casa).

Olhando para o lado positivo, caso o Peixe se recupere, suba na tabela e retome à briga pelas primeiras colocações, poderá fazer valer a sua força na Vila Belmiro, pois vai encarar Fluminense, Inter e Cruzeiro em seu alçapão, local em que foi derrota apenas uma vez nesta temporada, justamente para o Corinthians.