Futebol/Campeonato Brasileiro Série A - ( - Atualizado )

Sem Fred e Cavalieiri, Flu treina na Urca, e torcida volta a protestar

Rio de Janeiro (RJ)

O Fluminense voltou a treinar na Urca, nesta manhã, e encerrou sua preparação visando ao jogo deste domingo, contra o Sport, às 16 horas (de Brasília), no Maracanã. Principal alvo dos protestos da torcida, que se manifestou também neste sábado, Fred não integrou os trabalhos, assim como o goleiro Diego Cavalieri.

O atacante foi poupado devido à suspeita de virose, mas não deve ser desfalque para o duelo contra os pernambucanos. O arqueiro, por sua vez, apresentou problemas estomacais nesta sexta-feira e já não havia treinado. Com gastroenterite, ele é desfalque confirmado para este domingo. Kléver deve assumir a meta.

“Fred amanheceu sentindo dores no corpo e com suspeita de virose. Em razão disso, foi poupado do treino deste sábado e não deverá ser problema para o jogo de amanhã”, afirmou o médico do clube, Douglas Santos, ao site oficial. “O caso do Diego Cavalieri é mais complexo. Devido a uma gastroenterite, está fora do jogo de amanhã”.

A boa notícia fica por conta do lateral direito Bruno, que sentiu o posterior da panturrilha esquerda contra a Chapecoense, mas não teve lesão constatada e está à disposição do técnico Cristóvão Borges.

Nelson Perez/Fluminense FC
O Fluminense treinou na Escola de Educação Física do Exército, localizada no bairro da Urca

Assim, a provável escalação do Fluminense para encarar o Sport é: Kléver; Bruno, Henrique, Elivélton e Chiquinho (Fernando); Valencia, Jean, Cícero e Conca; Walter (Sóbis) e Fred.

Embora na Urca, a torcida tricolor não deixou de se manifestar, mas, desta vez, de forma pacífica. Cerca de 30 pessoas se posicionaram na Avenida João Luís Alves, na saída da Escola de Educação Física do Exército, local do treino deste sábado.

Alguns vestiam camisas de organizadas e impediam que carros deixassem o lugar. O principal alvo foi o atacante Fred, que foi chamado de “chinelinho” e “mercenário”.