Futebol/Campeonato Brasileiro - ( - Atualizado )

Sem Moreno, Júlio Baptista se dispõe a ser centroavante do Cruzeiro

Belo Horizonte (MG)

O Cruzeiro enfrenta o Grêmio, nesta quinta-feira, no Mineirão. Para encarar os gaúchos, o técnico Marcelo Oliveira não poderá contar com o avante Marcelo Moreno. O jogador foi convocado para a seleção da Bolívia, pediu dispensa para atuar pela Raposa, mas, mesmo assim, fica fora contra o Grêmio, por questões contratuais, já que ainda tem os direitos ligados ao time de Porto Alegre.

Com Borges ainda se recuperando de lesão, o treinador cruzeirense pode usar Júlio Baptista como centroavante. O jogador afirma que prefere atuar no meio-campo, mas deixa claro que está pronto para jogar em qualquer posição e se coloca à disposição para ser o atacante de referência contra o Grêmio.

Divulgação/Cruzeiro E. C.
Júlio Baptista (à direita) disputa a bola com o volante Tinga durante um treinamento do Cruzeiro

“Me sinto melhor atuando como meia. No entanto, dentro da necessidade, se o treinador me pede, a gente sempre faz uma função diferente, embora quando atuo junto com o Goulart, nós revezamos, sem ter um jogador fixo. Nós trocamos, ele faz a meia, depois vai para a frente. A posição que realmente prefiro é jogar na meia, mas a gente está à disposição sempre” declarou.

Júlio Baptista atuou pouco nesta temporada, mas quando foi acionado deu conta do recado. “Sempre confiei no meu trabalho. O que te credencia e te dá segurança é o que você faz no dia a dia, independentemente de estar ou não jogando. Isto é um detalhe. Sempre que entro estou desempenhando meu futebol, ajudando o grupo a conquistar os objetivos”, disse.