Futebol/Copa do Brasil - ( )

Cruzeirenses comemoram classificação e sequência invicta da equipe

Belo Horizonte (MG)

Os jogadores do Cruzeiro literalmente cumpriram tabela nesta quarta-feira, contra os alagoanos do Santa Rita, pela Copa do Brasil. O lateral-direito Ceará admitiu que a missão era concretizar a classificação, mas sem perder a partida, por isso, a Raposa teve que jogar com mais intensidade no segundo tempo para virar o placar.

“Viemos aqui para concretizar a nossa classificação, mas não gostaríamos de perder em hipótese nenhuma. No primeiro tempo a equipe do Santa Rita pressionou, conseguiu jogar e fez um gol no último segundo. No segundo tempo conseguimos colocar a bola no chão e com tranquilidade e jogando sério fizemos os dois gols para sair com a vitória”, declarou.

O zagueiro Manoel culpou a condição ruim do gramado do estádio Coaracy Fonseca, em Arapiraca pelo primeiro tempo ruim da Raposa, mas destaca o bom segundo tempo da equipe mineira, que segundo ele, melhorou e conseguiu tocar a bola com mais qualidade para somar mais uma vitória importante.

“Tivemos um pouco de dificuldade no começo. A situação do campo também não é muito boa, mas no segundo tempo a gente melhorou e conseguiu tocar a bola, pressionar a equipe adversária e sair com o resultado positivo que é importante para manter essa sequência de jogos sem perder do Cruzeiro”, comentou.