Futebol/Brasileiro Série B - ( - Atualizado )

Lusa enfrenta o Joinville buscando a recuperação na virada de turno

São Paulo (SP)

19 jogos, 17 pontos. Apenas três vitórias e oito empates além das também oito derrotas. Esta é a campanha da Portuguesa no primeiro turno do Campeonato Brasileiro da Série B. Apesar da vitória diante do Vila Nova na última rodada, a 19ª colocação ainda incomoda os torcedores.

Nesta terça-feira, o returno da competição começa e a Lusa terá a chance de, no Canindé, vencer o Joinville às 20h30 (de Brasília) e começar a escapar da zona de rebaixamento da competição. O maior problema para o técnico Silas é que o adversário da 20ª rodada acabou de recuperar a posição dentro do G4 da competição, onde passou 14 das 19 partidas da Série B. Para a Lusa, um fato curioso pode trazer os três pontos para o Canindé. Na história, o Joinville jamais venceu uma partida jogando na capital paulista.

O último treinamento do Joinville em terras catarinense aconteceu na manhã de segunda-feira e durou aproximadamente duas horas. O gerente de futebol do Tricolor declarou que o JEC deverá ir para campo jogando no erro da Portuguesa.

Divulgação/Joinville E. C.
Joinville treinou forte até segunda-feira para a partida diante da Portuguesa, nesta terça-feira, no Canindé

“Jogar no erro do adversário fora de casa é interessante. Se tivermos essa postura contra equipes que não estão em boas condições na tabela, temos mais chances de pontuar. O importante é trazermos pelo menos um ponto se não der para vencer”, disse César Sampaio ao Diário Catarinense.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA x JOINVILLE

Estádio: Canindé, São Paulo (SP).
Data: 02 de setembro de 2014, terça-feira.
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Emerson Luís Sobral (CE)
Assistentes:Ricardo Bezerra Chianca (PE) e Marcelino Costa de Nazaré (PE)

PORTUGUESA: Rafael; Régis, Brinner, Luciano Castán e Sousa; Bruno, Jocinei, Djalma e Gabriel; Allan Dias e Alemão.
Técnico: Silas

JOINVILLE: Gilsivan; Edson, Bruno Henrique, Thiago e Rogério; Washington, Fabinho, Everton e Marcelo; Edigar e Jael;
Técnico: Hemerson Maria