Um hino contra a demolição do Estádio Célio de Barros

O Movimento contra a demolição do Estádio Célio de Barros, no Complexo Esportivo do Maracanã, no Rio de Janeiro, ganhou um hino. A música é BOTA ABAIXO, composição do professor de educação física Claudio da Matta Freire, que nas décadas de 1980/1990 foi recordista brasileiro do salto em altura. Para ouvir, clique no link abaixo:

http://www.youtube.com/watch?v=Dq9Ss_qvFRc&feature=share

Templo do Atletismo carioca, o Estádio Célio de Barros foi palco de eventos importantes, como o Troféu Brasil, Campeonatos Sul-Americanos e Grande Prêmio Brasil. Na mesma pista, em 1981, Joaquim Cruz estabeleceu um recorde mundial juvenil nos 800 m, com 1:44.3, marca que vigorou por 16 anos. Michael Johnson, Robson Caetano, Sergey Bubka, Arnaldo de Oliveira, Mike Powell, Claudinei Quirino, Nelson Rocha, Silvina Pereira, Aída dos Santos são algumas das estrelas que deixaram sua marca no Estádio.

O Governo do Rio decidiu pela demolição do Estádio, assim como de outras praças esportivas do Complexo, como o Parque Aquático Júlio Delamare, o Museu do Índio e a Escola Modelo Arthur Friedenreich. O espaço resultante deverá virar estacionamento para o novo Estádio do Maracanã, na Copa do Mundo de 2014.

O “Célio de Barros” é, também, o principal centro de treinamento do Atletismo do Rio de Janeiro, cidade-sede dos Jogos Olímpicos de 2016. Atletas, treinadores, árbitros, dirigentes e mesmo a imprensa, não entendem que a pouco mais de três anos dos Jogos do Rio, um valioso e raro patrimônio esportivo do principal dos esportes olímpicos seja colocado abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>