Bravo Palmeiras

Sergio Barzaghi - Gazeta Press

O novo Palmeiras confirmou que peru não morre na véspera.

Com a presença de mais de 20 mil torcedores no Pacaembu o Palmeiras foi superior e, com muita determinação, venceu os peruanos do Sporting Cristal por 2 a 1.

Tá certo que o adversário, mesmo sendo o melhor time do Peru, não é nenhuma máquina de lavar de última geração.

Mais parece um tanquinho.

Ok, o time preciso de um pouco mais de tempo, para que aconteça o entrosamento dos novatos com o restante do grupo.

E também de  bons resultados para Kleina ter tranquilidade no trabalho do dia-a-dia e, consequentemente, confiança e controle emocional.

A  equipe se portou bem diante do empate e chegou ao gol da vitória comandando o jogo.

Na ausência de uma atacante de referência, o técnico Kleina preferiu povoar o meio campo e revezar na área com Vinicius e Weslei.

Qual a necessidade de homem gol , se Henrique continua marcando gols. Patrik Vieira, meia bom de bola,  fez o da vitória e palmas para a torcida que incentivou a equipe do começo ao fim.

Estão percebendo que unidos ao time se fortalecerão o suficiente para superar os obstáculos da Libertadores. Aliás, é preciso aprender e saber disputar a maior competição do nosso continente.

7 comentários em “Bravo Palmeiras

  1. Ok Godoy, é isso aí, se procurar coisas boas no Palmeiras voce acha.

    Voce sempre foi um bom comentarista. Não entra na turma da Renata Flan, (mais parece a praça é nossa)- Gostei, voce está melhorando.

  2. É ISSO AI, GODOI. VAMOS DEVAGAR E SEMPRE. E COMO DIZ O VELHO DITADO, QUE OS ÚLTIMOS SERÃO OS PRIMEIROS, QUEM VIVER VERÁ NOSSO VERDÃO DECOLAR, VOANDO RASO SOBRE AS INÚMERAS CAGADAS ADMINMISTRATIVAS.
    DIANARY

  3. Tenho certeza que esse time vai “calar a boca do Morsa” rsrs. Esse time sem as “estrelinhas” vai arrebentar é só dar tempo para se entrosarem. FORZA PALESTRA

  4. Caro Godoi;
    Boa Tarde!!!

    Realmente o novo/ velho Palmeiras confirmou que peru não morre na véspera mas o leitão também pode morrer; Você estava certo quando citou que nosso adversário, mesmo sendo o melhor time do Peru, não era nenhuma máquina de lavar de última geração; coisa que todo mundo percebeu só o Sr. Gilson Kleina, que não!!!

    Sem um homem de referência, é impossível praticar um bom futebol, ainda porque este Sr. Gilson Kleina, prefere povoar o meio campo ao invéz de escalar um time um pouco mais aberto.

    Veja antes de começar o jogo ele escalou o Vilson no meio campo, pois todo mundo sabe que o cara é jogador de trombada e o Henrique sabe cadênciar um pouco mais a bola; mas ele não quer dar o braço a torcer pois se não vão dizer que é ideia do Felipão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>