Os tempos do Condor

AFP

AFP

Bristol (EUA) – Luís Suárez, o uruguaio, está outra vez nas manchetes dos jornais ingleses, por ter marcado um gol com a mão contra o Mansfield, um time fraco. Os jornais logo relacionaram incidentes do passado, como o pênalti que Suárez cometeu contra Gana, na Copa de 2010, impedindo o que seria um gol para os africanos que liquidaria a partida, no finzinho.

Na cobrança, Gana desperdiçou, o Uruguai ganhou na cobrança de pênaltis e Luís Suárez, que já era criticado desde os tempos em que jogava na Holanda, foi pintado como o vilão da história. Mas, um momento,  foi dele a culpa de Gana desperdiçar o pênalti? Que jogador, em última instância, não salvaria com a mão um chute contra seu gol, no fim da partida, numa Copa do Mundo, um chute que decretaria a eliminação de sua equipe?

Depois, houve o incidente de Luís Suárez com Patrice Evra. Agora a imprensa inglesa lembra outros famosos “embusteiros” da história, como Rivaldo, o goleiro Dida e, recentemente, Luiz Adriano.

Curiosamente, talvez porque a cena tenha ocorrido muito longe da Europa e não era em uma partida transmitida para todos os continentes, ninguém se lembrou da maior encenação  na história do futebol mundial. Uma comédia que eu assisti ao vivo no Maracanã, no dia 3 de setembro de 1989, nas eliminatórias sul-americana para a Copa do Mundo, quando toda a Seleção Chilena, mais seu técnico, médico, dirigentes e até o presidente da Federação  daquele país foram cúmplices do goleiro Roberto “Condor” Rojas. Para os que não se lembram, ele usou uma lâmina para cortar a própria testa e fingir que havia sido atingido por um rojão, no famoso caso de “Rosenery, a fogueteira”

Graças à farsa, o Chile não apenas foi expulso da Copa de 1990 mas proibido de disputar a Copa de 1994. Em matéria de falta de fair play, é um caso que deixa longe os incidentes com Luís Suárez, Dida, Rivaldo, Luiz Adriano e até a famosa “mão de Deus” de Maradona na Copa de 1986.

2 comentários em “Os tempos do Condor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>