Futebol/Copa Libertadores - ( )

Romarinho garante ter noção de seu feito e avisa: “Vem mais por aí”

Bruno Ceccon, Helder Júnior, Marcelo Belpiede e Tossiro Neto São Paulo (SP)

O jovem Romarinho surpreendeu muita gente com a sua frieza para marcar o gol de empate do Corinthians com o Boca Juniors, na primeira partida da decisão da Copa Libertadores da América. Já com a medalha de campeão no peito, após o segundo jogo, ele garantiu que tinha, sim, consciência do seu feito. E até vislumbrou novas conquistas.

“Tenho noção. Se a gente entrasse com um gol de desvantagem no Pacaembu, seria mais difícil. Graças a Deus, o gol que fiz lá ajudou bastante”, disse Romarinho, com um raro sorriso no rosto. “Quero dar sequência ao meu trabalho com mais títulos pelo Corinthians. Com certeza, vem mais por aí”, prometeu.

Por enquanto, porém, o novo destaque do elenco de Tite prefere festejar – assim como torcedores e seus companheiros. “Estou entrando para a história do clube. Vamos comemorar porque todo mundo do Corinthians merece esse título”, afirmou.

O gol marcado na Bombonera não foi o único feito de Romarinho em sua ainda curta trajetória pelo Corinthians. Na estreia como titular, ele anotou duas vezes sobre o rival Palmeiras. No último jogo da Libertadores, no entanto, permaneceu no banco de reservas.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Romarinho entrou para a história do Corinthians ao erguer o troféu da Copa Libertadores da América

Publicidade

Últimas Notícias

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade