Motor/Fórmula Indy - ( - Atualizado )

Kanaan vê Barrichello empenhado em continuar na Fórmula Indy

Bruno Ceccon Boituva (SP)

Dispensado pela Williams na última temporada, o brasileiro Rubens Barrichello, recordista de largadas na Fórmula 1, resolveu migrar para a Indy. Depois de terminar seu primeiro campeonato no 12º lugar pela KV, ele está empenhado em permanecer na categoria, garante o companheiro e amigo Tony Kanaan.

“O Rubens é um competidor e não ficou nada feliz por não ter ido tão bem quanto esperava na Indy. Ele quer uma segunda chance e com certeza está brigando por isso. Estão falando que ele quer morar no Brasil, que está contente na Stock... Mas, pelo que eu sei, o Rubens está trabalhando 100% para correr na Indy em 2013”, garantiu.

Tony Kanaan e Rubens Barrichello são grandes amigos, a ponto de se considerarem irmãos. O piloto baiano, por sinal, foi o responsável por intermediar a chegada do parceiro à equipe KV e, evidentemente, torce por sua permanência na categoria em 2013.

“Tudo depende dos patrocínios e ele está atrás disso. Acho que também está falando com outras equipes. Se fechar com um time de maior orçamento, não precisaria de tantos patrocinadores. Isso pode facilitar. Espero que, se ele não for meu companheiro, tenha uma outra chance na Indy em 2013, porque melhorou bastante no final desse ano”, disse.

Até o momento, a KV já confirmou Tony Kanaan e a suíça Simona de Silvestro. O venezuelano Ernesto Viso, que disputou a última temporada com a equipe, esta fora. Independentemente da continuidade de Barrichello, o piloto baiano pensa em 2013 e já tem dois testes agendados até o final do ano, no Texas e em Sebring.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Tony Kanaan acredita que amigo Rubens Barrichello segue na Fórmula Indy em 2013
“Vamos continuar com os mesmos mecânicos e com o mesmo engenheiro. O foco está nas 500 Milhas de Indianápolis. Nesse ano, a gente foi super bem e teve chances de ganhar”, afirmou o baiano, que planeja vencer a tradicional corrida antes de um provável retorno ao automobilismo brasileiro.

De férias da Fórmula Indy, Kanaan participará das duas últimas etapas da Stock Car, em Brasília e em São Paulo. Além de flertar com a principal categoria do automobilismo nacional, ele procura patrocinadores para aumentar o orçamento da KV na disputa da Indy.

“Essa história de não ter testes ajuda a reter os custos, mas as equipes com mais dinheiro fazem mais simulação no túnel de vento, por exemplo. Voltei ao Brasil para tentar fechar alguns patrocínios e fazer com que tenhamos condições de brigar pelo título”, contou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade