Futebol/Mercado - ( )

Gobbi diz que ninguém sairá e vê relação com Pato ainda na paquera

Assunção (Paraguai)

O presidente Mário Gobbi não está disposto a vender nenhum dos jogadores do Corinthians valorizados após a conquista do Mundial. Segundo ele, Cássio, Paulinho e Guerrero – além de Martínez, que pretende voltar à Argentina – permanecerão no clube.

“O princípio é nos reforçar, não liberar atletas. Nosso ciclo vai de julho a julho. Então, até o fim da Libertadores, o grupo é esse aí, não sai ninguém”, disse o dirigente, que acompanhou o sorteio da competição sul-americana em Assunção.

Em relação aos reforços, o dirigente foi muito cauteloso. Admitiu apenas a negociação com Renato Augusto – que já foi até anunciada pelo site oficial do Timão –, negou interesse no zagueiro vascaíno Dedé e apontou as tratativas pelo atacante Alexandre Pato, do Milan, “em fase embrionária”.

“É como uma mulher que você quer namorar. Antes, você faz uma sondagem, fala com as amigas, descobre o que ela gosta, pega o telefone. Depois, você convida para jantar. São conversas, especulações”, comentou o romântico presidente corintiano.

O jantar será na próxima semana, provavelmente na quarta-feira. O vice-presidente do Milan, Adriano Galliani, chegará ao Rio de Janeiro na próxima segunda-feira e tentará resolver a situação de Robinho, que interessa a Flamengo e Santos. Depois, ouvirá o Timão sobre Pato.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade