Futebol/Copa Sul-americana - ( - Atualizado )

Ceni reconhece "jogo feio" e classifica empate fora como razoável

Buenos Aires (Argentina)

O 0 a 0 com poucas chances de gol em La Bombonera foi feio, na opinião de Rogério Ceni. O capitão são-paulino esperava que a primeira partida da final contra o Tigre fosse melhor, mesmo jogando em Buenos Aires. Apesar disso, não viu a igualdade como negativa na disputa pelo título da Copa Sul-americana.

"Foi um jogo feio de se assistir. Foi amarrado, de decisão, mas estranho. Depois da saída do Luis (Fabiano, expulso aos 13 minutos do primeiro tempo), perdemos nossa referência na frente. Como resultado em si, foi razoável, porque a gente leva a decisão para o Morumbi, e não tem a questão do gol fora", disse à TV Globo.

Luis Fabiano recebeu o cartão vermelho no início da partida após cair na catimba adversária. Ele entrou em discussão entre os argentinos e o meia-atacante Lucas, levou do zagueiro Donatti um soco no braço e revidou tentando acertá-lo as travas da chuteira. Pela confusão, ambos foram expulsos pelo árbitro.

AFP
Partida em La Bombonera teve duas expulsões no primeiro tempo e não tirou o zero do placar
Até o intervalo, o jogo continuou quente. O São Paulo tinha maior posse de bola, mas esbarrava na retranca formada pelo rival, que se livrava da bola e não conseguia engatar bons contragolpes, apesar da velocidade de Botta pela ponta direita. Na etapa final, a posse de bola passou para o Tigre, que tentou o gol através de bolas altas, mas também não tirou o zero do placar.

Ceni, no entanto, não soube explicar o porquê da dificuldade encontrada. "Em relação à pressão, foi até tranquilo, para quem já jogou aqui contra o Boca Juniors. Mas eu senti o time um pouquinho ansioso. Engraçado. Fisicamente também não foi um dia de muito rendimento, como a gente estava rendendo no Campeonato Brasileiro", falou.

Para conquistar o título inédito em sua história, o São Paulo depende de vitória simples na partida de volta, marcada para quarta-feira que vem, no Morumbi. Qualquer empate leva a decisão à prorrogação. Em caso de nova igualdade no tempo extra, o jogo vai para os pênaltis.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade