Futebol/Camepeonato Paulista - ( - Atualizado )

Titular pela primeira vez, Cañete pede tempo para lutar por posição

São Paulo (SP)

A estreia de Marcelo Cañete como titular do São Paulo demorou, muito em função da lesão no joelho direito que o deixou longo tempo em recuperação, porém foi animadora. Além de bons passes, o meia fez um dos gols da vitória por 2 a 1 sobre o Atlético Sorocaba, na tarde deste sábado, no Morumbi.

O bom desempenho não tira a consciência de que ainda é preciso melhorar. Sem ritmo de jogo ideal, o argentino revelado pelo Boca Juniors sabe que, neste momento, não é capaz de lutar por uma posição entre os 11 iniciais, que foram poupados para o compromisso de meio de semana, pela Libertadores.

"Fico feliz porque conseguimos vencer. Acredito que possa ser titular, sim, mas ainda tenho que trabalhar muito. Tenho que ter tempo para jogar e pegar ritmo", disse.

Nesta tarde, Cañete atuou pela ponta esquerda, posição que vem sendo ocupada por Osvaldo. Apesar de ter características diferentes, por ser meio-campista de origem, ele não vê problema na improvisação.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Meia argentino ainda não havia começado uma partida pelo São Paulo entre os 11 titulares
"Tanto faz. Posso jogar como atacante ou como meia. Quero ser titular. Onde o Ney Franco achar que estou jogando bem, eu jogo, sem problema nenhum", comentou, depois de ficar em campo pela primeira vez por 90 minutos sem acusar cansaço.

"Estou bem fisicamente. Depois de uma pré-temporada dura, consegui voltar bem. Estou tentando pegar ritmo de jogo. É disso que estou precisando agora", concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade