Futebol/Copa Libertadores - ( )

Contra Huachipato, Fluminense busca recuperação

Gazeta Press Talcahuano (Chile)

Após ser derrotado por 3 a 0 pelo Grêmio, em casa, o Fluminense busca a reação na Copa Libertadores nesta quarta-feira, às 22 horas (de Brasília), quando visita o Huachipato no Estádio CAP, em Talcahuano, no Chile.

O Tricolor, que soma três pontos no Grupo 8, está fora da zona de classificação para as oitavas de final e, por isso, um triunfo é fundamental. Porém todo cuidado é pouco com o adversário, que é uma verdadeira incógnita. Isso porque os brasileiros não sabem se terão pela frente o Huachipato que dominou o Grêmio na estreia, vencendo por 2 a 1, ou a frágil equipe que, diante de seus torcedores, perdeu de 3 a 1 para o Caracas.

O técnico do Tricolor, Abel Braga, alertou seus jogadores sobre os riscos do adversário. Isso porque o treinador espera muitas dificuldades diante de um oponente que também foi derrotado na semana passada.

"Será um jogo muito complicado pois as duas equipes estão vindo de derrota e sabem que um novo mau resultado vai complicar a situação em termos de classificação. Nós vamos precisar ser inteligentes para fugir da pressão, que com certeza a equipe deles vai procurar nos impor. Não vamos encontrar um adversário ingênuo pela frente, muito pelo contrário. É um time que sabe valorizar a posse de bola, procurar espaços e encontrar a hora certa de tentar ganhar. Portanto, vamos ter que ser equilibrados em todos os setores", afirmou.

Em termos de escalação, Abel tem duas dúvidas. O zagueiro Gum , melhor fisicamente após se recuperar de lesão na coxa esquerda, pode ocupar o posto de Anderson. O atacante Rafael Sobis foi barrado e o esquema 4-3-3 deixado de lado. Com a adoção do 4-4-2, Deco e Wágner disputam vaga no meio-campo, com maiores chances para o primeiro.

Divulgação
Nesta terça-feira, o Fluminense treinou em solo chileno antes de enfrentar o Huachipato
Pelo lado do Huachipato, o técnico Jorge Pellicer não gostou nem um pouco do jeito bipolar de sua equipe e já avisou que pretende ver em ação a mesma determinação exibida contra o Grêmio.

"Diante do Caracas não conseguimos repetir a atuação que tivemos diante do Grêmio e isso não pode acontecer de maneira alguma em uma partida em nossa casa. O respeito ao Fluminense é muito grande, mas temos que nos impor e procurar ganhar a partida diante dos brasileiros. Jogando em casa não podemos mais errar", disse Pellicer.

No Torneio Clausura do Chile, o Huachipato foi derrotado pelo Unión Española por 1 a 0, no fim de semana, e aparece apenas na penúltima colocação. Pouco para quem é o atual campeão.

"Vamos priorizar a Copa Libertadores em relação ao torneio chileno. Acredito que essa fase de grupos será definida rapidamente e por isso merece a nossa atenção", afirmou Pellicer, justificando a má campanha no Campeonato Chileno. O treinador não quis antecipar a escalação que pretende mandar a campo nesta quarta-feira, mas deve manter a base dos confrontos anteriores.

FICHA TÉCNICA
HUACHIPATO-CHI X FLUMINENSE-BRA

Local: Estádio CAP, em Talcahuano (Chile)
Data: 27 de fevereiro de 2013 (Quarta-feira)
Horário: 22 horas(de Brasília)
Árbitro: Saúl Laverni (Argentina)
Assistentes: Juan Belatti (Argentina) e Iván Núnez (Argentina)

HUACHIPATO: Nery Veloso; José Contreras, Claudio Muñoz Camilo, Carlos Labrín e Nicolás Crovetto; Gabriel Sandoval, Mauricio Yedro, Nicolás Núñez e Francisco Arrué; Federico Falcone e Braian Rodríguez.
Técnico: Jorge Pellicer

FLUMINENSE: Diego Cavalieri; Bruno, Gum (Anderson), Leandro Euzébio e Carlinhos; Edinho, Jean e Deco (Wágner); Thiago Neves, Wellington Nem e Fred.
Técnico:
Abel Braga

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade