Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Policia europeia descobre “ampla rede” de manipulação no futebol

Haia (Holanda)

O Serviço Europeu de Polícia (Europol) divulgou, nesta segunda-feira, a existência de uma rede de corrupção no futebol que se estende da Ásia até a Europa. Em entrevista concedida em Haia, na Holanda, o diretor da organização, Rob Wainwright, informou que um grande sistema de manipulação de resultados tem afetado o esporte mais popular do mundo nos últimos anos.

“Foram identificadas mais de 380 partidas de futebol profissional que tiveram práticas suspeitosas de apostas ilegais. Essa ampla rede criminal está controlada desde o território asiático”, explicou.

Alemanha, Grã-Bretanha, Holanda, Turquia, Eslovênia, Áustria e Hungria são alguns dos locais envolvidos no esquema de manipulação, que ainda inclui partidas da Liga dos Campeões e das eliminatórias para Eurocopa de 2012 e Copa do Mundo de 2014. O sistema de corrupção teria gerado um lucro de 8 milhões de euros (cerca de R$21,5 milhões) aos envolvidos, que gastaram 2 milhões de euros (aproximadamente R$5,3 milhões) em suborno, sendo 140 mil euros (R$ 377 mil) para uma única pessoa.

A investigação ocorreu nos últimos 18 meses. Neste período, membros da Europol investigaram 425 jogos oficiais, atletas, dirigentes e torcedores de 15 países suspeitos de estarem envolvidos na rede de manipulação. Conforme afirmou Wainwright, a organização emitiu ordem de detenção a 28 pessoas e já deteve outros 50 envolvidos.

“Realizamos a maior das investigações sobre esquemas suspeitosos no futebol”, disse o diretor. “Há um grande problema de integridade no futebol europeu”, encerrou Rob Wainwright.

AFP
Esquema milionário de manipulação de resultados foi revelado pela Europol

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade