Futebol/Campeonato Carioca - ( - Atualizado )

Após nova derrota, Dedé volta a ser criticado por torcedores rivais

Gazeta Press Rio de Janeiro (RJ)

Ídolo da torcida do Vasco, o zagueiro Dedé teve que sofrer com a gozação dos flamenguistas após a derrota por 4 a 2 no clássico da semana passada. Afinal de contas, o Mito não conseguiu evitar a arrancada de Rafinha que culminou no quarto gol do rival. Na noite de domingo, o defensor voltou a ter uma atuação ruim, dessa vez na derrota de 1 a 0 para o Bangu.

Com a saída de Felipe, que foi para o Fluminense, e Juninho Pernambucano, que se transferiu para os Estados Unidos, Dedé se tornou o principal ídolo da torcida vascaína, que evita hostilizar o jogador, mesmo em dias ruins. Tanto que na madrugada desta segunda-feira, em seu perfil no Twitter, o jogador agradeceu o carinho dos torcedores e lamentou o tropeço.

Dedé também tem encontrado respaldo nos companheiros e no técnico Gaúcho, que minimizou a atuação do jogador. "O defensor sempre fica exposto, pois a iniciativa da jogada é do atacante, que faz conforme seu raciocínio. O Dedé é um jogador indiscutível e muito importante para o time do Vasco" , disse Gaúcho.

O treinador ainda falou sobre o lance com Rafinha, no gol do Flamengo. "O Dedé não vai ficar marcado por aquele lance, pois é maior do que isso".

Ídolo da torcida desde a conquista do título da Copa do Brasil de 2011, Dedé passou a ser convocado para a Seleção Brasileira por Mano Menezes, mas ficou de fora da lista de Luiz Felipe Scolari para o amistoso contra a Inglaterra, na quarta-feira. O jogador vem recebendo o assédio do Corinthians, que já apresentou uma primeira proposta, recusada pelo presidente do Cruz-maltino, Roberto Dinamite.

Divulgação/Vasco da Gama
Destaque na última temporada, Dedé pode ser negociado com o Corinthians nas próximas semanas.
O comentário nos bastidores de São Januário, no entanto, é de que o Grupo DIS, que comprou 45% dos direitos federativos do jogador, já recebeu uma nova proposta do Timão e vai repassá-la ao Vasco no fim desta semana. Os valores mais altos e a possibilidade de o jogador ganhar o dobro do atual salário podem falar mais alto.

Alheio ao assunto, Gaúcho começa a preparar nesta terça-feira, quando o elenco se reapresenta após a segunda-feira de folga, a equipe para o clássico contra o Fluminense, pela sexta rodada da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, previsto para o sábado de Carnaval, às 17 horas (de Brasília), no Engenhão.

Na segunda colocação do Grupo A com nove pontos, dois a menos que o líder Botafogo, o Cruz-maltino não pode tropeçar, sob pena de deixar a zona de classificação para as semifinais.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade