Atletismo/Mundial de Moscou - ( - Atualizado )

Sueca abandona pintura de unhas que apoiava causa gay em Moscou

Moscou (Rússia)

A saltadora sueca Emma Green-Tregaro mudou a cor de suas unhas para a final da prova do salto em altura no Campeonato Mundial de atletismo, a mando da Federação Internacional de Atletismo (Iaaf). A competidora tinha as cores do arco-íris pintadas para manifestar apoio à comunidade gay russa, mas neste sábado apareceu no Estádio Luzhniki com as unhas vermelhas.

A mudança ocorreu a pedido da Iaaf, que informou à saltadora e à delegação sueca que as regras do Campeonato Mundial impedem manifestações comerciais e políticas de atletas durante a competição.

Na prova classificatória do salto em altura, na quinta-feira, Emma Green-Tregaro pintou suas unhas com as cores do arco-íris para protestar contra uma lei local que restringe em diversos aspectos manifestações a favor da homossexualidade. A atitude desagradou a russa Yelena Isinbayeva, campeã do salto com vara, que considerou o ato como um desrespeito ao país.

Isinbayeva, uma das musas do Mundial de atletismo e embaixadora dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014 em Sochi, gerou polêmica ao afirmar que apoiava a lei. “Nos consideramos pessoas normais, dentro do padrão. Vivemos com homens ao lado de mulheres e mulheres ao lado de homens”, disse a russa.

Por conta da polêmica gerada por suas declarações Isinbayeva, se retratou no dia seguinte e afirmou que foi mal interpretada em sua fala, feita em inglês.

AFP
Saltadora Emma Green trocou as cores do arco-íris pelo vermelho nas unhas para a final do salto em altura

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade