Atletismo/Bastidores - ( - Atualizado )

Declarada inocente de doping, bicampeã olímpica é liberada para competir

Lausanne (Suíça)

Bicampeã olímpica dos 200m, a jamaicana Veronica Campbell-Brown foi declarada inocente pela Corte Arbitral do Esporte (CAS) nesta segunda-feira e poderá voltar a competir. A velocista estava fora das competições desde maio de 2013, quando testou positivo para uma substância proibida.

A atleta não passou em um teste realizado durante um Meeting na Jamaica, no dia 4 de maio, sendo suspensa provisoriamente pela Federação de Atletismo local. Campbell-Brown acabou não participando do Campeonato Mundial, em Moscou, na Rússia, por causa desta punição.

Em outubro, um comitê disciplinar da Jamaica considerou que uma advertência era suficiente, já que a substância banida encontrada no exame de Campbell-Brown não era usada para aumentar a performance esportiva.

Todo esse impasse tirou a oportunidade de Campbell-Brown defender o título dos 200m no Campeonato Mundial. Agora, a jamaicana está liberada para competir no Mundial Indoor, em Sopot, na Polônia, entre os dias 7 e 9 de março.

Publicidade

Publicidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade

Publicidade